Psicologia da UNIGRAN comemora Dia do Psicólogo em evento on-line

Psicólogo Marcos Carvalho falou sobre a atuação do terapeuta sexual, que é um tema pouco discutido e explorado na Psicologia

O curso de Psicologia da UNIGRAN comemorou, na última quinta-feira, 27, o Dia do Psicólogo, com um evento on-line destinado aos acadêmicos do curso e profissionais. A programação contou com as palestras ‘Terapia sexual: a atuação do (a) psicólogo (a) em queixas sexuais’, com o psicólogo Me. Marcos Carvalho e também ‘Articulações da Psicologia Social no enfrentamento a pandemia’, com a psicóloga PhD Jacy Corrêa Curado.

Ticiana Araújo da Silva, coordenadora do curso, falou do novo formato do evento. “Apesar de estarmos em uma pandemia, impossibilitados de nos reunir presencialmente, nos adaptamos ao momento e, utilizando a tecnologia, estamos cumprindo toda a nossa agenda de eventos. Este ano, nós trouxemos dois temas muito interessantes. Destaco a palestra sobre o papel do terapeuta sexual, que é uma área muito pouco estudada e explorada no campo da Psicologia e acredito que é porque no Brasil nós não temos uma formação sólida especificamente nesta área. E a outra abordou exatamente sobre como estamos lidando com a pandemia, ou seja, outro assunto extremamente relevante”, explicou.

A primeira palestra focou na atuação do psicólogo em queixas sexuais e aconteceu no período matutino. Marcos Carvalho explicou como a terapia ajuda as pessoas a lidar com os problemas nesta área. “A terapia sexual possui um conjunto de técnicas específicas para auxiliar as pessoas a entenderem melhor sua história sexual, eliminar expectativas irrealistas sobre o sexo e praticarem autoconhecimento, ampliando a qualidade de vida sexual”, disse. O objetivo da palestra foi apresentar essa área de atuação profissional do psicólogo e incentivar que o tema sexualidade seja mais abordado na prática clínica, diminuindo o tabu sobre o assunto e possibilitando melhor manejo das dificuldades sexuais.

“Problemas sexuais são muito comuns, no entanto, muitas pessoas sofrem em silêncio quando lidam com uma dificuldade no campo da sexualidade, por conta do tabu que esse tema é em nossa sociedade. Dificuldades como problemas de ereção, ejaculação precoce e baixo desejo sexual são as queixas mais comuns na prática clínica de psicólogos. O terapeuta sexual é um profissional, geralmente com formação em Psicologia ou Medicina, e que fez uma pós-graduação em sexualidade humana, atuando especificamente em queixas ligadas ao sofrimento sexual”, apontou.

A segunda palestra, que aconteceu no período noturno, trouxe uma professora do campo da Psicologia Social que estuda a vivência na comunidade, ligada à questão de gênero, sobre mulheres e os laços que estabelecem. “Nossa segunda palestrante tem um pós-doutorado na Holanda e, durante sua fala, nos proporcionou um amplo conhecimento sobre o papel da Psicologia Social, principalmente nessa situação pandêmica”, destacou a coordenadora Ticiana.

“Todos os eventos que estão programados para esse ano serão realizados, não de forma presencial, como nós gostaríamos que fosse, mas virtual. Então, apesar de estarmos vivendo esse momento tão difícil e tão delicado, que é o isolamento e distanciamento social, nós temos que proporcionar ao aluno a possibilidade de enriquecimento do aprendizado para além daqueles conteúdos ministrados em sala de aula. Com isso, ambos trouxeram elementos novos de conhecimento e de atuação profissional, diferente do cotidiano e daquelas questões básicas que os alunos estão familiarizados. Certamente tivemos um evento rico em aprendizado e com temas instigantes e que trouxeram além de conhecimento, inquietações para que os nossos acadêmicos avancem na sua formação e nas pesquisas individuais”, concluiu a coordenadora.

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran