30/10/2019 Atualizado há 22 dia(s)

Estudantes de Letras da UNIGRAN EAD desenvolvem projeto literário na Espanha

Andrea Cristina da Silva, 7º semestre de Letras (Português/Literatura), sempre foi apaixonada por literatura. A estudante conta que sempre esperava com emoção cada nova disciplina que abria na plataforma de ensino a distância, mas uma se destacou: Literatura Infantil. Com a proximidade da Associação de Amigos do Brasil em Baleares (AABB), surgiu a proposta de apresentar um conto infantil em português e espanhol nas bibliotecas de Palma de Mallorca. O desafio foi aceito e, com isso, surgiu o projeto A Casa ou, em espanhol, La casa Disparatada, que prestigia a cultura brasileira e homenageia um dos grandes nomes da Música Popular Brasileira (MPB), Vinicius de Moraes.

O artista plástico e músico Carlos Venturelli auxiliou na execução do projeto com a parte cenográfica, elaborando um grande livro ilustrativo para o acompanhamento da história e dos instrumentos musicais. Já a vocal de cultura e também acadêmica da UNIGRAN EAD, Crisaide Mendes Jones, 3º semestre de Letras (Português/Inglês), assumiu a organização dos ensaios. Todo o projeto teve a supervisão da presidente da AABB, Sandra Melo Franco, e orientação acadêmica da UNIGRAN Barcelona.

Ao todo, a sessão literária tem uma hora e meia de duração, iniciando com uma breve narração sobre a história da música, com linguagem adaptada para o público infantil. Em seguida, é apresentada cada passagem da narração por meio do livro ilustrado e, por último, a canção é cantada na versão em espanhol e na versão original, em português.

“As reações são as mais diversas, os menorzinhos querem entrar no livro, é incrível. Os maiores prestam muita atenção na história de “Carlitos”, porque Vinicius de Moraes fez o poema para o artista plástico uruguaio Carlos Paez Vilaró que demorou mais de trinta anos para construir sua casa. Transformamos essa história em uma linguagem para as crianças e elas fazem muitas perguntas, se alguém não o ajudou? Como ele poderia viver em uma casa sem teto?”, contou Andrea, a idealizadora do projeto.

As atividades são voltadas para todas as crianças hispanos-falantes, tanto crianças brasileiras que residem na Espanha quanto crianças espanholas que desejam contato com a cultura brasileira. Ao todo já foram feitas cinco apresentações em três bibliotecas, além da participação em uma escola na semana do livro e na “Fira de Les Cultures”.

Após a apresentação e a familiarização com a canção, as crianças têm acesso a materiais de pintura e são convidadas a expressar através da arte o que compreenderam da história e da música. Os trabalhos desenvolvidos pelas crianças são expostos posteriormente nos locais de apresentação.

Os planos para 2020 envolvem alguma música que trate sobre reciclagem e a importância de preservar o meio ambiente. “Para todos meus colegas de EAD, criem projetos, seja no bairro, na comunidade ou quem está fora do país procure as associações de brasileiros para divulgar a cultura brasileira. Retomar obras literárias é sempre uma grande oportunidade e além da satisfação de contribuir”, concluiu Andrea.

PROJETO
LITERATURA
UNIGRAN
EUROPA