02/07/2018 07:49

Projeto Interdisciplinar atende grupo de pacientes com Parkinson em Dourados

A doença de Parkinson é a segunda doença degenerativa mais comum do sistema nervoso central

Pacientes com a Doença de Parkinson recebem atendimento gratuito na Clínica de Fisioterapia da UNIGRAN

Caracterizada pelo tremor quando os músculos estão em repouso, rigidez na musculatura, lentidão dos movimentos voluntários e dificuldade de manter o equilíbrio, a doença de Parkinson tem várias manifestações, como alterações cognitivas, emocionais e motoras. O tratamento consiste em adotar medidas gerais para controlar os sintomas e isso, exige a presença de diferentes profissionais. Foi com esse objetivo que, há cinco anos, surgiu o Grupo de Parkinson de Dourados/MS, uma parceria entre o curso de Fisioterapia da UNIGRAN e o ambulatório de Parkinson do HU/UFGD.

O projeto atende a população acometida com a doença de Parkinson de maneira integral, no qual a médica neurologista Dra. Elisabete Castelon Konkiewitz realiza os atendimentos no ambulatório e encaminha os pacientes para atendimentos fisioterápicos, sob a coordenação da professora Cyntia Letícia Batistetti. Com atendimento interdisciplinar, o Grupo conta com as parcerias entre os cursos de Nutrição, Psicologia, Biomedicina, Farmácia, Enfermagem e Odontologia.

Neste ano, foram recebidos 20 pacientes para avaliação e tratamento. A coordenadora do projeto na UNIGRAN, Cyntia Batistetti, revela que a proposta principal do projeto é atender a população acometida com a doença de Parkinson de maneira integral, humanizada e equitativa, proporcionando aos pacientes, cuidadores, acadêmicos e profissionais, uma vivência interdisciplinar.

“A operacionalização dos serviços de saúde se modificou ao longo do tempo e, duas prioridades em destaque, são: equipe multidisciplinar e humanização. Desta maneira, a manutenção de um projeto de extensão interdisciplinar com caráter assistencial vem ao encontro das necessidades tanto da comunidade geral, quanto da acadêmica”, afirma Batistetti.

Os pacientes são recebidos pelos estudantes e professores na Clínica de Fisioterapia da UNIGRAN. O atendimento consiste em aferir a pressão arterial e direcionamento às ações previamente definidas pela equipe. Conforme a coordenadora, as atividades de rotina são exercícios de aquecimento e mobilidade gerais, seguidos por alongamentos específicos às necessidades dos pacientes e circuitos sensoriais, proprioceptivos e de dupla-tarefa que finalizam a atuação da Fisioterapia.

Depois, os acadêmicos de Psicologia iniciam as ações com atividades em roda de conversa, dinâmicas e musicoterapia. De acordo com as demandas dos pacientes, as ações da Nutrição, Farmácia, Odontologia e Enfermagem também são organizadas para ocorrerem neste período. Durante as atividades são realizadas ainda orientações aos pacientes, que são acompanhados de seus cuidadores.

Há o envolvimento de acadêmicos de todos os cursos, aproximadamente 50 estudantes realizam, na prática, o que aprendem na teoria em sala de aula. Cyntia Batistetti acredita que oferecer a vivência prática aos futuros profissionais de cada área é de fundamental importância. “Com esse projeto, consolidamos as ações de extensão, baseando-se na implementação da assistência especializada ao indivíduo com doença de Parkinson, contribuindo de maneira direta na relação ensino-aprendizagem dos acadêmicos envolvidos, qualificando-os para o mercado de trabalho aliados a temática de responsabilidade social”, enfatiza.

Serviço

O Grupo de Parkinson de Dourados oferece atendimento gratuito na Clínica de Fisioterapia da UNIGRAN. O contato pode ser feito pelo telefone (67) 3411-4163.

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran