03/06/2015 07:34

Acadêmicos de Fisioterapia treinam basquete adaptado com a equipe Dourados Sobre Rodas

Visita orientada aproxima acadêmicos de Fisioterapia à equipe do Dourados Sobre Rodas Basquete

Superação, determinação e muita raça. É o que pode ser visto na equipe do Dourados Sobre Rodas Basquete. Os atletas treinam no Centro de Convivência e Geração de Renda da Pessoa com Deficiência Dorcelina Folador e receberam uma visita orientada dos acadêmicos do 3º semestre de Fisioterapia da UNIGRAN, durante uma atividade da disciplina de Órtese e Prótese.

O presidente da Associação e vice-presidente do Conselho Municipal do Direito da Pessoa com Deficiência de Dourados, Alexsandro Pereira de Moraes, 44, adquiriu a deficiência aos 21 anos. Cadeirante há 23 anos ele afirma que todo dia é uma superação.

“Temos nos superado dia após dia. Nós estamos aqui para ensinar, estamos em busca de novos integrantes. Nosso papel é ensinar as pessoas a viverem com a deficiência. Fazemos as cadeiras na Associação, todas feitas sob medida”, menciona Alex. O presidente considera que “o fisioterapeuta é uma peça fundamental em nossa vida, pois é onde buscamos forças para não atrofiar, temos a esperança de melhorar”.

A professora da disciplina, Simone de Sousa Elias Nihues, explica que os acadêmicos estudam um conteúdo sobre cadeira de roda. “Tivemos esse conteúdo em sala e a aula prática foi dada junto com o treino de basquete dos atletas. Na teoria aprenderam sobre as partes que compõem a cadeira, o objetivo, os diferentes tipos, com essa prática conseguem vivenciar como são as cadeiras de roda voltada aos paratletas, que são diferentes das que vemos geralmente no dia a dia nas clínicas”, destaca.

Há uma cadeira adaptada para cada situação, seja no esporte ou para atividades diárias. Simone ressalta que “as apropriadas para o esporte, têm a base alargada, a roda inclinada, rodas anti tombo, pois são cadeiras para velocidade e como têm contato direto uma com a outra, isso diminui a possibilidade do atleta vir ao solo”.

O fisioterapeuta precisa saber orientar o paciente com deficiência física que deseja praticar esporte. “O paciente precisa estar bem treinado, precisamos prestar atenção no tipo de musculatura que vamos fortalecer, qual vai ser o objetivo do tratamento, fazemos a reabilitação física e precisamos estar aptos para indicar o melhor tipo de cadeira para cada atividade dele”, esclarece a professora de Fisioterapia.

Para o acadêmico Luis Eduardo Pit, foi uma aprendizagem participar do treino dos paratletas. “Aprendemos muito nessa aula prática. Vimos que o treino da equipe do basquete adaptado não é fácil, todos têm muita força de vontade e garra”, considera.

Quem deseja cursar Fisioterapia, têm a oportunidade. No dia 27 de junho, a UNIGRAN realiza o Vestibular de Inverno 2015. As inscrições estão abertas no site www.vestibularunigran.com.br/presencial/dourados.

 

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran