04/09/2014 07:41

UNIGRAN debate cenário atual da Engenharia e construções de pré-moldados

Estudantes e profissionais da Engenharia Civil tiveram palestras técnicas com grandes nomes da área

Rodovias, pontes, aeroportos e tantas outras grandes construções dependem do engenheiro civil. Durante a Semana Acadêmica de Engenharia Civil da UNIGRAN, acadêmicos e profissionais da área receberam palestras técnicas de notáveis engenheiros, que estão há anos no mercado de trabalho.

Na abertura do evento, o engenheiro civil Francisco Rodrigues Andriolo, reconhecido em mais de 27 países por suas construções, ministrou palestra sobre “Engenheiro e Engenharia: Onde Estamos e Onde Podemos Chegar”. O palestrante falou sobre o cenário da engenharia no Brasil, mostrando que ainda tem muito a ser feito, pois o país é carente de planejamento, organização e disciplina.

“Temos deficiência de planejamento, disciplina, organização, deixamos de fazer muita coisa nas rodovias, no sistema de transporte como ferrovia, hidrovia, aeroportos, portos, hidroeletricidade, bem-estar público, urbanismo, saneamento e abastecimento de água. Nada disso foi planejado, a não ser no papel e não foi executado”, afirma.

Conforme o engenheiro, a intenção do bate-papo com os estudantes foi justamente abrir os olhos desses futuros profissionais para o mundo afora. “A Engenharia não tem limite, o limite é da nossa imaginação, a criação de bens públicos de novidades depende de cada um. As perspectivas para o mercado futuro são muito grandes, porque temos tudo a fazer, é só termos organização, planejamento e disciplina”, menciona Francisco Andriolo.

Construções de pré-moldados foi o tema da palestra com o engenheiro civil Antonio Wanderlei Sversut. Segundo o especialista, a construção em concreto pré-fabricado visa acelerar o ritmo das obras, sendo feito em fábrica sobre rigoroso controle de qualidade. “É uma obra que, se comparada à construção civil convencional, é 30% mais cara, mais dispendioso em investimento inicial, mas o retorno é com prazo de término da obra e a garantia certeza da qualidade”, garante.

É o concreto mais indicado para construção de shoppings, grandes obras, utilizado em pontes, viadutos, clubes, hospitais, galpões industriais, diversas obras que exigem rapidez. Com o planejamento já se verifica o prazo de execução, isso conta muito para tomar a decisão: de utilizar concreto pré-fabricado ou se fará uma construção in loco.

“Sendo uma construção rápida utiliza-se o concreto pré-fabricado, pois enquanto trabalhadores fazem atividades em canteiro de obra, outros fazem atividades também na fábrica. Consegue, assim, otimizar a questão do tempo. Essa é a grande vantagem que tem neste processo”, ressalta Wanderlei Sversut.

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran