14/05/2014 07:36

Seminário realizado na UNIGRAN debate “O Corpo em Psicanálise”

Estudantes e profissionais de Psicologia se reúnem em seminário sobre Psicanálise

No último sábado acadêmicos e profissionais de Psicologia participaram do Seminário: O Corpo em Psicanálise. O evento foi realizado na UNIGRAN em uma parceria com a programação da pré-fundação do grupo de estudos da Escola de Psicanálise do Corpo Freudiano – Núcleo de Dourados e contou com as palestras: “As Construções do Corpo em Psicanálise”, “O Corpo na Neurose Histérica” e “O Corpo na Psicose”.

A coordenadora do curso de psicologia da UNIGRAN, Rosemeire Souza Martins, afirma que o seminário teve como objetivo fazer conexão entre teoria e prática. “Com a criação do grupo de estudos do Corpo Freudiano, que vem fazer uma parceria com a Instituição, temos o propósito de envolver questões científicas em discussões e debates. Tantos os professores, quanto os acadêmicos precisam continuar os estudos e realizar essas pesquisas”, esclarece.

Conforme um dos organizadores do evento, o professor da UNIGRAN Antonio Garcia Neto, a proposta inicial do evento foi “levar transmissão da psicanálise, que é o estudo da psique, sobre o desenvolvimento psíquico do sujeito”. O psicólogo ministrou a palestra “O Corpo na Psicose”, ele ressalta que “a proposta foi falar sobre uma estrutura clínica tratada dentro da psicose no sentido de poder transmitir uma reflexão tanto na questão teórica quanto à prática clínica”.

Na palestra “As Construções do Corpo em Psicanálise”, a psicóloga Janaina Bianchi de Mattos falou sobre a maneira que o corpo se constitui do ponto de vista psicanalítico. “É completamente diferente do ponto de vista biológico. Para a psicanálise, o corpo é uma construção que passa por uma visão psíquica que o sujeito vai elaborar nos primórdios da sua existência enquanto bebê e a maneira como ele vai constituir”.

A palestrante explica como é constituído o corpo do ponto de vista do inconsciente. “Na psicanálise nós tratamos do inconsciente e das punções. O sujeito, já no útero materno, está inserido na linguagem que esse corpo materno abarca, o bebê já está no corpo materno recebendo significantes, que seriam imagens acústicas composta de som e letra, então esses signos estão sendo assimilados por esse bebê constituído no corpo materno, depois do nascimento vai ficando mais claro para esse bebê”, ressalta.

Janaina Bianchi menciona que, o objetivo de trazer o núcleo de estudos do Corpo Freudiano para Dourados, “é possibilitar aos douradenses formados em Psicologia, Medicina e até mesmo em outras áreas, uma formação psicanalítica a esses profissionais que têm um interesse na psicanálise”.

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran