07/04/2014 07:49

UNIGRAN sedia curso de Cadastro Ambiental Rural para Agrônomos

Em face ao novo Código Florestal, produtores rurais farão o Cadastro de suas propriedades

Curso recebeu agrônomos e estudantes de Agronomia

Agrônomos de Dourados e região participaram de um curso de Cadastro Ambiental Rural – CAR, que atende as exigências do novo Código Florestal. O evento foi promovido pela Associação dos Engenheiros Agrônomos da Grande Dourados – AEAGRAN - e Associação dos Engenheiros Agrônomos de Mato Grosso do Sul – AEAMS - e aconteceu na UNIGRAN, na última quinta e sexta-feira.

De acordo com a coordenadora do curso de Agronomia da UNIGRAN, Mariana Zampar Toledo, o Cadastro Ambiental Rural é a base de dados das propriedades rurais do país e tem objetivo geral de preservar o meio ambiente, adequar a demarcação de Áreas de Preservação Permanente e de Reserva Legal, combatendo, assim, o desmatamento ilegal.

“Considerando-se a estimativa de que existam mais de cinco milhões de proprietários rurais no Brasil, o monitoramento e a fiscalização das áreas agrícolas, especialmente face ao novo Código Florestal, necessitava de uma ferramenta auxiliar no processo de planejamento e uso dos recursos da propriedade”, afirma a professora Mariana.

Além disso, a coordenadora aponta que se trata de uma ferramenta recente e que poucos produtores sabem proceder o cadastro. Por isso, a AEAGRAN e a AEAMS propuseram e realizaram o curso de CAR. “Foi uma oportunidade para profissionais e alunos se inteirarem da importância e funcionamento desse instrumento face às novas leis”.

Humberto Dauber, um dos agrônomos responsáveis pelo curso, diz que o novo Código Florestal obriga todos os proprietários rurais a cadastrarem suas propriedades, levantando seus passivos ambientais. Essa obrigatoriedade faz com que seja importante o conhecimento de todos os termos do Cadastro Ambiental Rural.

“O processo é um pouco complexo e vai precisar do apoio de um técnico, principalmente da pessoa que já dá assistência, que vai poder entender e levantar as áreas de nascentes, margens de rios, Áreas de Preservação Permanente, de Reserva Legal, junto com o produtor e estudando, planejando a propriedade para ela ser ambientalmente correta, inclusive pensando na maneira de melhor produzir”, declara ele sobre a importância do curso.

Para finalizar sua fala sobre a importância do CAR, Dauber ainda disse que enquanto o proprietário rural estiver realizando o Cadastro, todas as multas e notificações que a propriedade possui ficam paralisadas. “Se ele não realizar essa recuperação, aquilo tudo retorna, mas a princípio, se ele realizar, aquilo tudo morre, não vai pagar mais nada daquilo. Então é uma maneira também de corrigir o possível dano que foi causado e que tem um impacto tão grande”, declara.

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran