23/09/2013 10:24

Prática de pilates favorece condicionamento muscular e postura

Saúde

O pilates pode ser praticado por qualquer pessoa, desde gestantes a idosos

Aumento de flexibilidade articular, fortalecimento da musculatura, alinhamento da postura, são possíveis com os exercícios físicos do pilates. Este é um método de treinamento físico criado pelo alemão Joseph Pilates para fortalecer os músculos e ossos, aliviando dores, melhorando a respiração e batimentos cardíacos.

Segundo a professora de Fisioterapia da UNIGRAN, Simone de Sousa Elias Nihues, o pilates possui alguns princípios básicos como o envolvimento da concentração. “Ao executar os exercícios do pilates, a pessoa tem que fazer contrações musculares associadas aos exercícios como, por exemplo, contração de assoalho pélvico, contração de abdominais, tudo isso associado a respirações profundas e aos movimentos executados durante o exercício. Exige muita concentração, trabalha o equilíbrio, além do fortalecimento e condicionamento muscular”, afirma.

Existem dois profissionais da área da saúde que estão habilitados para trabalharem com o método do pilates: o fisioterapeuta e o educador físico. “Ambos precisam passar por um curso de especialização”, ressalta Simone.

Durante a prática do exercício, são utilizados vários equipamentos como o bosu (acessório de origem americana e tem a aparência de uma bola cortada ao meio) e o cadillac (mesa horizontal rodeada com quatro postes, em que estão fixadas barras, alças molas e alavancas). A fisioterapeuta cita ainda que “existe o pilates aéreo, em que a pessoa não tem contato com o solo e através de tecidos elásticos, elas ficam penduradas fazendo os exercícios, conseguindo trabalhar as musculaturas mais profundas”.

O pilates e o yoga são semelhantes, mas possuem métodos e objetivos diferentes. “Assim como o yoga, trabalhamos bastante algumas posturas estáticas, contrações musculares, o tempo de execução do exercício é lento, associado com a respiração”, esclarece Simone Nihues.

Por ser uma atividade física e com pouca carga calórica, o pilates não auxilia no emagrecimento. Conforme a professora de Fisioterapia, “o método em si vai favorecer o condicionamento do músculo para o exercício, aumentando a força muscular, no entanto não vai fazer com que perca calorias suficientes para favorecer o emagrecimento”.

Devido aos exercícios musculares intensos ou mais amenos, o pilates ajuda a reduzir as medidas do corpo. “Ele aumenta a força do músculo, fazendo com que tenha uma diminuição de medidas nessa musculatura, pois irá melhorar o trofismo muscular. Esteticamente a pessoa que pratica o pilates, devido a essa melhora de trofismo, irá apresentar bons resultados estéticos por conta do melhoramento da postura, equilíbrio e consciência corporal”, garante a fisioterapeuta.

Qualquer pessoa pode praticar o método, mas é interessante procurar um médico e fazer uma avaliação para poder realizar as atividades. “Existem poucas contraindicações para o pilates, desde o idoso, a gestante, todos tem condições de realizar o exercício, porque não trabalha muito o peso e é uma atividade que tem pouco impacto”, assegura professora Simone. [GM]

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran