02/07/2013 08:43

Acadêmicos de Enfermagem participam de arraiá no Lar do Idoso

Festa Junina no Lar do Idoso

A festa foi um momento de descontração e interação para os idosos do Lar

No mês de São João, acadêmicos do curso de Enfermagem da UNIGRAN realizaram uma festa Junina no Lar do Idoso em Dourados. O evento coincide com o final do Estágio Supervisionado na Saúde do Idoso ministrado pela professora Bruna Caroline Chanfrin.

Para o coordenador do Lar, Ronei Farias, é uma data muito especial tanto para funcionários e colaboradores do Lar, quanto para os idosos. “Eles ficam bastante empolgados, pois trazemos atrações que cantam músicas antigas. Então, eles acabam recordando o passado. Também fizemos comidas típicas, já que estamos no mês caipira. A parte decorativa do lar foi responsabilidade dos acadêmicos da UNIGRAN”, conta.

Ronei também informa que com a ajuda de colaboradores, eles fazem comemoração de outras datas. “Não fazemos isso somente no mês caipira, mas também na páscoa, natal. A gente sempre tenta retratar essas datas comemorativas, mesmo porque eles [idosos] sentem essa falta, essa necessidade de carinho. O nosso trabalho é esse. Promover a qualidade de vida, o bem estar e nada melhor do que fazer essa ação aqui no Lar do Idoso”, destaca.

A professora responsável pelo estágio explica que durante o estágio no lar do Idoso os acadêmicos têm diversas responsabilidades “Aqui no Lar os alunos dão banho, fazem a medicação, curativo, atividades físicas como, alongamento e a caminhada. A maioria dos idosos está um frente ao outro, porém não há interação. Mas se chagar alguém de fora, ai sim eles conversam. Ele olha para o colega e se vê como um espelho, quando os alunos estão aqui nós procuramos trabalhar a humanização para que haja essa interação entre eles mesmos”, esclarece Bruna.

Sentar, conversar com o paciente, saber ouvir e falar também são práticas adotadas para o profissional. “Combinamos com os alunos de contarem suas próprias histórias para que assim, o idoso consiga se abrir e conversar sobre os mais diversos assuntos. Também trazemos coisas de fora para eles, desde pintura, jogos recreativos, tudo o que for possível fazer como atividade a gente traz pra eles; e os idosos gostam dessa interação com os alunos. Sentem como se fossem da família”, considera.

A importância maior do evento é proporcionar para os idosos um momento de lazer diferente. As pessoas acham que simplesmente porque moram no Lar, eles não têm direito de diversão e lazer. “Eventos como esse eles [idosos] ficam esperando ansiosos. A importância maior é mostrar que eles também gostam de participar e estarem presentes nesses momentos de comemoração com os visitantes”, conta a supervisora de estágio Carla Monteiro.

Carla explica que para a formação acadêmica eles trabalham com a humanização. “O principal foco na saúde do idoso é humanizar. Proporcionar aos acadêmicos essa aproximação com os idosos, para que assim saibam como devem ser feitos os procedimentos de cuidado e enxergar o paciente como um todo, como ser único e identificar as necessidades que cada um venha a ter”, aponta a supervisora. (WD)

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran