28/06/2013 09:25

Acadêmicos de Biomedicina e Farmácia fazem visita técnica no hemocentro

Visita técnica

Durante a visita os acadêmicos participaram de uma palestra

Como parte das atividades da disciplina de Biossegurança, os acadêmicos do primeiro semestre dos cursos de Biomedicina e Farmácia da UNIGRAN realizaram uma visita técnica no hemocentro de Dourados, coordenada pelo professor Luis Fernando Macorini. O objetivo da visita foi conhecer uma das áreas de atuação destes futuros profissionais e também fomentar a questão social da doação de sangue e medula óssea com os alunos.

Conforme Luis Fernando, essas visitas técnicas são importantes para agregar esse conhecimento ao aluno. “No hemocentro os estudantes ouviram uma palestra com a funcionária da assistência social, na qual ela mostrou como faz a parte de coletas, separação dos exames, os pacientes que podem ou não realizar os exames, além da doação de sangue também teve para triagem de medula óssea, então isso é importantíssimo para o aluno”, garante.

O professor ressalta que os acadêmicos têm as aulas práticas em laboratórios, mas não é suficiente. “Nós sempre procuramos levar o aluno para o ambiente de trabalho dele futuramente e para eles terem outros conhecimentos, para levar eles lá em uma visita técnica, além de ser importante para a formação profissional, também tem a questão da ajuda social. Tivemos alguns alunos que ficaram para doar sangue e triagem da medula óssea”, destaca.

Sarah Nunes da Silva Cayuela é acadêmica de Farmácia ela comenta que aprendeu todos os passos para doar sangue e medula óssea. “Vimos o quanto é importante fazer essa doação, vimos como funciona. Mas eu não pude participar da triagem para medula óssea porque tenho menos de 18 anos, e não pude doar sangue porque meu peso não deu, é inferior a 50 kg”, afirma.

A futura farmacêutica, Nelícera Eduarda de Souza Paião, fez a coleta de sangue para o cadastro da doação de medula óssea. “A visita foi proveitosa, pois ao mesmo tempo em que tivemos um maior conhecimento de como era feito a coleta de sangue para doação, doação de medula óssea, também vimos sobre a biossegurança, como que era a esterilização, materiais perfurocortantes, todo o procedimento”, menciona.

A estudante de Biomedicina, Daiane Cristina Figueira Santana, participou da triagem para doação de medula óssea. Para ela, “a doação não é só para quem está fazendo esses cursos de saúde, mas sim para toda população, é importante para ajudar pessoas que precisam dessa doação”.

Já a colega de sala, Angelita Domingues Araújo de Moraes, conta que “foi bastante proveitoso, tirou bastantes dúvidas e mostrou um pouco o que vou ver no futuro. É muito importante, porque não adianta teoria sem a prática, isso aí vai desenvolvendo o gosto, o modo como trabalhar, a responsabilidade que devemos ter”. (SG)

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran