04/02/2013 07:59

Universitários iniciam nova etapa acadêmica com o estágio

Fisioterapia

Palestras esclarecem funcionamento do estágio para alunos do último ano

Enquanto vários alunos aprovados no vestibular fazem a primeira matrícula, outros se preparam para encarar o desafio do último ano da faculdade. A fase final trás novas responsabilidades, especialmente para o 7º semestre de Fisioterapia da UNIGRAN, que começa essa semana o estágio obrigatório do curso.

O estágio, realizado na Clínica de Fisioterapia da Instituição, é a chance de colocar em prática tudo o que o acadêmico aprendeu ao longo do curso e adquirir novas experiências de vida. Lá, o aluno terá contato com pacientes reais, que têm necessidades e limitações únicas, contribuição insubstituível para sua formação profissional.

Para o coordenador do curso, Renato Silva Nacer, essa fase ensina muito mais do que só técnica para o acadêmico. “O estágio é o momento em que eles têm muito contato com os pacientes, é a parte da graduação em que ele se forma fisioterapeuta. Durante três anos ele tem a parte teórica, mas no estágio normalmente é onde ele amadurece e passa a ter responsabilidade para atuar como profissional”, opina.

Entre os alunos, a expectativa é grande, como revela a acadêmica Miriam Cristina Moura, 40. Ela, que já participa das ações sociais atendendo a comunidade desde o começo do curso, confessa que no começo pode existir insegurança. “Nesses três anos a gente vem estudando e adquirindo confiança, mas é no estágio que a gente vê mesmo. Mas nós temos tempo e suporte, é possível pesquisar, rever o que a gente aprendeu e mandar ver”, garante.

Antes de começar, os alunos recebem palestras sobre vários aspectos do estágio, como a postura durante o atendimento, direitos e deveres do acadêmico, critérios de avaliação, regulamentação da Clínica Escola e normas de biossegurança, além de tirarem suas dúvidas.

Todo esse preparo busca deixar os alunos prontos para atender. Afinal, embora esse não seja o primeiro contato do aluno com a comunidade, é a primeira vez que um paciente fica sob sua total responsabilidade. “Desde o primeiro ano ele está sendo moldado pra isso, só que agora o paciente é unicamente de responsabilidade dele. O supervisor é apenas o responsável técnico pelo acadêmico”, explica a coordenadora da Clínica, Simone Elias Nihues.

Para a coordenadora, é no estágio que o futuro profissional é moldado, por isso sua importância. “O último ano é o ano em que a gente molda o profissional, porque agora eles já tem seus pacientes e são responsáveis por isso. A postura que eles adotam a partir de agora é a que a gente espera que eles levem por toda a vida”, conclui. (TD)

Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran