12/03/2012 10:34

ID_CURSO de Farmácia participa de projeto do Ministério da Saúde

Experiência possibilitou interação com acadêmicos de outros ID_CURSOs e profissionais da Saúde
Acadêmicas do 7º semestre de Farmácia da UNIGRAN participaram do projeto Ver-Sus, uma iniciativa do Ministério da Saúde que busca mostrar a realidade do Sistema Único de Saúde (SUS) para estudantes universitários, para que eles estejam mais bem preparados para atuar no Sistema quando se formarem. Os estudantes aprovados pelo projeto foram divididos em grupos que reuniam acadêmicos de diferentes áreas de atuação para incentivar a interdisciplinaridade e, durante dez dias, observaram de perto o funcionamento do SUS em Campo Grande, desde o atendimento nos postos de saúde até reuniões na Secretaria de Saúde. Letícia Castellani Duarte, coordenadora de Farmácia, explica o apoio fornecido pelo Governo Federal. “Foi oferecida toda a estrutura para o aluno, assim como material didático para que o acadêmico tivesse contato com a parte teórica do SUS. E eles tinham uma plataforma on-line em que redigiam relatórios diários, com todas as experiências e atividades que eles desenvolveram no dia”, conta. E as experiências não foram poucas. As acadêmicas tiveram a oportunidade de conhecer diversas realidades dentro da mesma cidade, assim como puderam interagir com todos os profissionais que fazem parte do SUS, desde os mais próximos dos usuários, como o agente de saúde, até os mais distantes, como o secretário de saúde. “Eu tinha uma visão do SUS, mas vivendo essa experiência me mostrou que a política do SUS é muito boa. Então é possível fazer dar certo”, diz Simone Faria Dourado, 29, do 7º semestre. Ela comenta que, muitas vezes, o público também tem uma visão equivocada a respeito do funcionamento do Sistema. A coordenadora Letícia explica o benefício trazido por essa vivência. “Esse ID_TIPO de atividade permite que o acadêmico conheça todo o Sistema e o que tem sido feito de bom, e assim se sinta motivado a atuar no SUS depois de formado”, diz. As acadêmicas contam que viram diversos profissionais engajados e preocupados em resolver os problemas dos pacientes, mas também se depararam com vários locais em que o atendimento não era satisfatório. “Nós reparamos que, nas unidades onde o fluxo de pacientes era maior, os profissionais não interagiam muito, diferente das unidades menores. Em algumas unidades não se cria um vínculo com o paciente.”, diz Edivani Cassol, 29, também do 7º semestre. Letícia explica que as dificuldades também auxiliam o futuro profissional. “O universitário deve ser mais crítico. A realidade e os problemas que existem devem motivá-lo a transformar isso, pensar em ações que possam mudar o seu entorno. A gente sabe que existem problemas, mas ele deve estar atento para não só verificar os problemas, mas também ter a visão crítica para buscar soluções”, conclui. (TD)
Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran