04/05/2006 17:18

Funcionários de serviços gerais da UNIGRAN recebem orientações sobre ergonomia.

Exercício de alongamento durante palestra da fisioterapeuta Camila Di Dio, sábado: programa alerta sobre problemas causados pela má-postura.
O Núcleo de ReID_CURSOs Humanos da UNIGRAN promoveu, sábado, uma palestra de orientação para os funcionários de serviços gerais sobre como realizar suas tarefas sem causar sobrecarga à coluna e aos músculos. Na palestra “Ergonomia no Trabalho – maneiras corretas de realizar um trabalho”, a fisioterapeuta Camila Di Dio direcionou a temática para a prevenção de doenças e dores nas articulações. Segundo a fisioterapeuta, os trabalhadores precisam estar atentos à postura ao varrer, pegar baldes, carregar uma caixa ou mesmo ao passar pano em uma mesa. Por exemplo, ao invés de dobrar a coluna, a pessoa deve dobrar os joelhos ao abaixar-se. Deve procurar colocar um balde numa superfície alta, e não no chão, e carregar as coisas usando as duas mãos. As precauções parecem pequenas, mas farão toda a diferença no futuro. A palestrante disse que a redução de patologias é grande nos grupos de pessoas que prestam atenção em sua postura. “A gente funciona com adaptações. No começo, vai doer, vai incomodar. Mas se cada um fizer sua parte, a gente consegue modificar o que já existe de problema e prevenir os que podem vir”, disse Camila, ressaltando que os trabalhadores precisam desempenhas suas funções preservando a saúde. Dona Iolanda Cabral Borges, funcionária da Instituição há 20 anos, concorda que é preciso estar bem de saúde para trabalhar e que as tarefas em serviços gerais precisam ser feitas com atenção. “Se você abaixa de qualquer jeito, dá problema. Fazer exercício e arrumar a postura é ótimo, e se a gente fizer ele correto melDATA_HORA em muitos aspectos”, disse a funcionária que está conseguindo eliminar dores nas costas somente com a mudança de postura quando realiza suas tarefas. A postura adequada na realização de cada tarefa também contribui para a redução de acidentes de trabalho. De acordo com a palestrante, as quedas representam 67% dos acidentes; o manuseio com objetos perigosos, 22%; o transporte de objetos pesados, 6%; e ferimentos com objetos cortantes, 5%. (DM-JRA)
Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran