29/06/2004 15:11

Livro de professor da UNIGRAN fixa bandeira em campo conquistado para a Fisioterapia.

Prof. José Ronaldo Veronesi Jr está sendo bastante cumprimentado pelo livro \"Perícias Judiciais\", lançado sexta-feira na biblioteca da Instituição.
O livro “Perícias Judiciais”, escrito pelo fisioterapeuta coordenador da Clínica-Escola de Fisioterapia da UNIGRAN, professor José Ronaldo Veronesi Junior, consolida a conquista de um novo campo profissional para os fisioterapeutas do país. Baseado nas pesquisas clínicas que desenvolve e em sua experiência na Justiça do Trabalho, o autor fornece subsídios para os advogados atuarem em causas trabalhistas que envolvam indenizações por danos causados pelas chamadas doenças ocupacionais. Há cerca de quatro anos, o professor José Ronaldo foi o primeiro fisioterapeuta do Brasil a ser nomeado pela Justiça do Trabalho para elaborar pareceres técnicos sobre as doenças conhecidas por LER e DORT. Até então, apenas os médicos podiam fornecer esses laudos. Na sexta-feira, ele fez o lançamento regional dessa obra que já integra o acervo de bibliotecas de universidades e faculdades de vários Estados. A professora Ângela Midori Kuraoka de Oliveira, coordenadora do ID_CURSO de Fisioterapia da UNIGRAN, que considera a formação acadêmica do fisioterapeuta muito semelhante à formação do médico, vê nessa publicação uma quebra de paradigma. “Ele conseguiu, realmente, desbravar um espaço até então inexplorado na profissão e o reconhecimento nacional”, parabenizou o colega. A reitora da UNIGRAN, professora Rosa Maria D’Amato De Déa, falou que a Instituição se orgulha de ter pessoas com essa capacidade em seu quadro docente e o presidente da 2ª Vara Federal do Trabalho de Dourados, juiz Francisco das Chagas de Lima Filho, avaliou a importância do livro pelas informações que podem ajudar na redução de ocorrências de doenças ocupacionais. “O livro terá uma grande importância, na medida em que ele traz informações a respeito das próprias doenças. É claro que as próprias empresas vão se precaver [de processos] adotando procedimentos de prevenção. É uma grande colaboração”, disse o juiz. Como explicou, a automatização de funções e as tarefas realizadas em computador têm ocasionado o que se chamam genericamente de “doenças ósteo-musculares relacionadas ao trabalho” (DORT e LER). Depois de adquiridas, elas podem ocasionar danos irreversíveis à saúde. A fim de difundir pesquisas nessa área, assim como para desenvolver a consciência de prevenção contra elas, o professor José Ronaldo montou um ID_CURSO de capacitação de fisioterapeutas em perícia judicial, que é reconhecido pela Sociedade Brasileira de Fisioterapia do Trabalho, SOBRAFIT, e pelo Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional. O ID_CURSO e o livro são produções em seqüência do autor e inter-complementares. O livro “Perícias Judiciais” (Ed. Pillares, SP, 159 p.), que aborda a LER e a DORT e faz análises de possíveis prejuízos causados à saúde do trabalhador, devido a esforço repetitivo na função que exerce na empresa, é de interesse de fisioterapeutas e de advogados, já que ele traz capítulos específicos sobre legislação e modelos de perícia. Entretanto, como o enfatiza o professor José Ronaldo, a obra deve servir mais como guia, e menos como manual. “É um livro para abrir idéias. Eu sou um pouco contra ‘receitas e manuais’. Dou a idéia e, é claro, o fisioterapeuta vai ter que dar os seus próprios passos, que é a forma mais enriquecedora exercer uma atividade profissional”, disse o pesquisador (reportagem de Miriam Camargo e Lílian Rech).
Comentários

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran