Revista Multidisciplinar da Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde da Unigran | ISSN-1981-3775

Os artigos deverão ser enviados, exclusivamente, por email: interbio@unigran.br

ESTUDO BIOMÉDICO DE CARDIOPATIAS EM PRATICANTES DE ATIVIDADE FÍSICA RELATIVA

BIOMEDICAL STUDY OF CARDIOPATHIES IN PRACTICERS OF RELATIVE PHYSICAL ACTIVITY

Autores:

VILLALBA, Alexandre1; ANASTÁCIO, Thaís de Oliveira2; OLIVEIRA, Vinícius Soares de3; ALMEIDA, Simone Aparecida de 4 ; MELO, Marco Antônio Araújo de5

Baixe o Artigo aqui (pdf)

Resumo:

A Biomedicina pode contribuir com importantes protocolos e indicadores patológicos no auxílio ao diagnóstico de patologias. A utilização desse conhecimento é fundamental para o embasamento terapêutico na medicina e nos protocolos adotados pelos demais profissionais e política de saúde pública, no que tange a doenças cardiovasculares frente a praticantes de atividade física ocasional. O objetivo do estudo é evidenciar, por meio de uma revisão sistemática, como os protocolos de pesquisa biomédica podem auxiliar na saúde frente a eventos cardiovasculares especificamente em pessoas fisicamente ativas eventualmente em, bem como realizar métodos de diagnóstico, prevenção e monitoramento. Dessa forma, foram utilizados critérios de seleção entre estudos publicados recentemente entre 2013 e 2018; em português e inglês; com preferência a publicações voltadas para área de Biomedicina, com critérios de inclusão e exclusão baseadas no interesse do tema proposto, dentro de bases de dados específicas; limitando-se aos resultados imparciais desta, onde a seleção final adveio de filtros inerentes a essas plataformas e não por seleção manual e parcial de artigos. Do total de 743 artigos, 42 publicações atenderam aos critérios de refinamento, traçando um paralelo entre eventos cardiopatológicos, atividade física e metodologias de diagnóstico. Destaque para o baixíssimo índice de publicações ou menções sobre o tema voltado à área Biomédica em específico. Observou-se através desse estudo, que os resultados de fontes diminutas proveniente do campo Biomédico, são inversamente proporcionais à importância e necessidade do profissional no combate aos eventos cardiológicos, assim como mais estudos proveniente dessa mesma área de atuação.