Notícias

Durante Fórum, corpo docente e diretoria da UNIGRAN EAD se atualizam em relação ao cenário econômico





Os desafios para encontrar estratégias que geram estabilidade e, posteriormente, um crescimento da economia brasileira, foi o tema central do 1º Fórum RCN de Economia, que ocorreu na última terça-feira (28/06), em Campo Grande, com a presença de Alexandre Mendonça de Barros, Zeina Latif, Antônio Maciel Neto e mediação da jornalista Natuza Nery.

 

Diante de uma plateia de 600 convidados, cada especialista pôde apresentar suas análises em relação ao cenário econômico mundial e de que forma o Brasil é impactado por ele.

 

Alexandre Mendonça de Barros abriu o evento e destacou a força do agronegócio brasileiro e como a produção de grãos fez o país saltar de apenas US$ 7,1 bilhões exportados, na década de 90, ao posto de maior exportador do mundo em 2019, com U$ 77,3 bilhões. Barros também expôs dados que reforçam o potencial produtivo de Mato Grosso do Sul e sua importante contribuição para as exportações. 

 

Já a doutora em economia e atual secretária de desenvolvimento econômico do Estado de São Paulo, Zeina Latif, falou sobre a armadilha da renda média, que faz com que o país saia da situação de pobreza, mas que o impede de se tornar rico. Para ela, "ficar rico exige maior sofisticação institucional, com qualidade de ensino, estado forte e eficiente, capacidade de inovar e regras claras”, e que para o Brasil chegar a isso precisa mudar a atual política econômica, fiscal e tributária.

 

A fala de encerramento foi de Antônio Maciel Neto, abordando os novos desafios da gestão de pessoas e liderança, em especial no tocante a retenção de bons profissionais e na escolha de gestores com atitude, foco em resultados e correção de falhas e que também proporcionem um bom ambiente de trabalho aos colaboradores. Assuntos como gestão de tempo, produtividade, feedback e diversidade também foram abordados.

 

A UNIGRAN, como uma instituição de ensino superior que busca oferecer a melhor qualificação aos profissionais responsáveis pelo progresso e desenvolvimento do país, marcou presença no evento através de diretores, professores e coordenadores de cursos, que acompanharam atentamente as discussões do Fórum.

 

Para Maria Isabel Schierholt, coordenadora do curso de Economia EAD, a apresentação de Alexandre Barros deixou nítida a dimensão do Estado nas exportações de produtos primários, chamando atenção para as oportunidades advindas desta realidade. “Diante de tantas possibilidades futuras, se faz necessária a formação de profissionais qualificados para atender as novas empresas e novas configurações estratégicas. Nesse cenário, vejo o curso superior em Ciências Econômicas como fundamental para contribuir com a oferta de mão de obra qualificada para suprir as demandas das empresas já instaladas e de futuros investimentos no Estado”, analisou Isabel.

 

O coordenador dos cursos de Processos Gerenciais, Gestão Comercial, Gestão de Turismo e Marketing, Afonso Egidio, frisou que a importância do Brasil na produção e abastecimento de alimentos no mundo e a educação como propulsora na mudança de comportamento da população foram os assuntos que mais lhe impactaram. “Estar presente neste evento foi essencial para entender a necessidade do mercado e quais são as lacunas que a educação pode preencher e contribuir de forma relevante para a economia do Estado e, consequentemente, do mundo. Posso definir a minha experiência no evento como esclarecedora, ao mesmo tempo que criou a sensação de novos desafios pela frente”, disse ele. 

 

Valdir da Costa Pereira, coordenador do curso de Administração das modalidades presencial e EAD, também refletiu sobre o aprendizado adquirido no evento: “enquanto administrador, formador de opinião e gestor de pessoas, me impulsiona a aprender, a estar atento ao desenvolvimento econômico do Estado, do Brasil e sobretudo o que acontece no mundo, para que as tomadas de decisões dentro do cenário micro do ambiente organizacional aconteçam. Ao formar pessoas com essa visão, a gente acaba abrindo um leque de construção de conhecimento”.

 

Também estiveram presentes no evento a Diretora Administrativa-Pedagógica do EAD, Andrea Klock, o Diretor de Marketing EAD, Marcelo Pirani, a Pró-Reitora Administrativa, Tânia Rejane de Souza, a Pró-Reitora de Ensino e Extensão, Nilse Marli Scheuer Candido, o Coordenador dos cursos de Ciências Contábeis e Gestão Pública, Reginaldo José da Silva e colaboradores dos setores financeiro, de comunicação e de marketing.

 

O 1º Fórum RCN de Economia faz parte de um ciclo de eventos corporativos projetados pelo Grupo RCN de Comunicação, formado por 11 palestras que abrangem os principais setores que fomentam o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul. O próximo encontro acontece no dia 16 de agosto, com a presença de Lucia Haracemiv. 

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Encontre-nos

Baixe os apps Unigran