A IGUALDADE DE GÊNERO NO CAMPO TRABALHISTA NA ERA DA CRISE DO CAPITALISMO GLOBAL NO CONTEXTO INTERNACIONAL

Autores:

  • Luiz Fernando Vescovi1; Anatieli Aparecida Fiabane2

Resumo:

A presente pesquisa pretende elucidar fatos e dados referentes à evolução da mulher dentro do espaço social e trabalhista, especialmente no tocante às suas conquistas históricas que muito colaboraram para o processo de igualdade entre gêneros (homens e mulheres). O texto busca apresentar as mudanças paradigmáticas através do progresso normativo internacional que, gradativamente, foi reconhecendo a importância da mulher no moderno contexto social, bem como o desempenho (e a contribuição) destas junto aos períodos de estagnação econômica – como em épocas de crise –, onde o gênero feminino cumpre papel signifcativo, seja no âmbito laboral ou no zelo do próprio ambiente doméstico. A evolução dos tratados supranacionais acerca da inserção da mulher no mercado de trabalho é, pois, o marco central da investigação, pelo qual se dá o respaldo necessário para conferir a relevância delas no desenvolvimento de uma sociedade mais justa e igualitária, que, cada vez mais, influencia na produção de leis internas sobre as muitas temáticas que envolvem a causa feminina.

PALAVRAS-CHAVES: Igualdade de gênero, tratados internacionais, mulher, mercado de trabalho.

Baixe o artigo aqui

Downloads