Trabalhar a Páscoa de forma lúdica é importante para as crianças

Segundo a professora Elizabeth Velter Borges, as crianças descobrem sozinhas e a seu tempo que as histórias do coelhinho não são completamente reais
A figura do coelho que traz ovos de chocolate no domingo de Páscoa tornou-se enraizada na nossa cultura. Mas será que faz bem para as crianças incentivar essa fantasia? Para Elizabeth Velter Borges, professora de Fundamentos da Educação Infantil do ID_CURSO de Pedagogia da UNIGRAN, o lúdico é muito importante na formação das crianças. “Quando você tem uma infância boa, trabalhada, faz diferença quando adulto, porque você vai lembrar de tudo o que é bom, principalmente próximo da Páscoa. Isto é algo positivo e marca”, diz Elizabeth sobre alguns dos benefícios trazidos ao incentivar a imaginação das crianças. A pedagoga explica que as crianças que tiveram uma infância mais fantasiosa ou lúdica serão mais produtivas e criativas e que também é importante trabalhar as brincadeiras e as histórias com os bem pequenos. “Você trabalhar isso desde o berçário desenvolve um lado de imaginação e de criatividade, porque eles vão crescendo com aquele olhar voltado para o lúdico”, diz. Por outro lado, existem as crianças que amadurecem muito cedo e acabam descobrindo por conta própria que não é realmente o coelhinho quem traz os ovos. Para elas, a professora explica que não é necessário mentir, tampouco destruir completamente a mágica. O indicado é contar que o coelho, de fato, não coloca ovos de chocolate, mas é parte de um grupo de outros símbolos que marcam a Páscoa. “Você poderá ser sincero, mas de uma forma lúdica. Não é necessário levar tudo tão a sério, é possível contar uma verdade de uma forma mais infantil”, conclui. (TL/CJ)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran