Mostra de Biologia reúne estudantes de escolas de Dourados

Trabalhos mostraram de forma prática as áreas de atuação do biológo
Demonstrar de forma prática como é a atuação do profissional formado em Ciências Biológicas. Com esse objetivo acadêmicos da UNIGRAN promoveram aulas de química e montaram exposição de animais em extinção, pesca predatória e a utilização de materiais recicláveis. Os trabalhos foram apresentados no Espaço Multicultural da UNIGRAN, na sexta-feira. A mostra é um projeto prático do ID_CURSO de Ciências Biológicas. Todos os anos os acadêmicos são instruídos pela professora Perla Loureiro, responsável pelo projeto, a elaborar trabalhos que divulguem as áreas de atuação do biólogo. A mostra foi composta por sete grupos, todos eles com estandes para visitação. Cristiano Alfredo Uhde, junto ao grupo de sala de aula, apresentou as duas espécies de tamanduá em extinção na região do Pantanal sul-mato-grossense: o mirim e o bandeira. “Nosso objetivo foi de mostrar às crianças as características desses animais, de forma que elas possam ser multiplicadoras da consciência ambiental”, disse o acadêmico. Lento, com visão e audição restritas e sem defesa, os tamanduás são dóceis e segundo Cristiano estão sendo vítimas de acidente nas rodovias. “A maioria deles morrem na tentativa de atravessar as rodovias. Nesse sentido que estamos alertando as crianças para falar aos pais sobre o cuidado ao trafegar nas estradas, de não abusar da velocidade”, reiterou. Durante toda a sexta-feira os estandes da Ciências Biológicas receberam visitas de estudantes do Ensino Fundamental de escolas de Dourados. A aula de química, com mostras de experimentos práticos era uma das que mais chamavam a atenção dos visitantes. Com tubos de ensaios e reagentes, acadêmicos mostraram diferentes ID_TIPOs de experimentos. No contexto de atuação do biólogo, a preservação da natureza esteve em alta durante a mostra. O grupo do acadêmico Bruno Moura inovou a forma de apresentar os animais em extinção. Eles cercaram o estande com lona preta, de forma que os visitantes tinham que adentrar para conhecer as espécies. O estande era em formato de labirinto e por meio de uma brecha entre as lonas os acadêmicos surgiam fantasiados de animais. “É uma forma de chamar a atenção do estudante. Se fosse apresentado em cartaz quase ninguém iria ler. Fazendo assim, com teatro, o visitante é mais atraído e consegue aprender melhor”, justifica Bruno Moura. O grupo dele apresentou na mostra às características e modo de vida do Tuiuiú, da onça, arara-azul, ariranha, cervo do Pantanal e lobo guará. Promovendo a consciência ambiental, os acadêmicos mostraram que com o “lixo” é possível fazer muitos objetos, como brinquedos, por exemplo. A garrafa pet e o papel de jornal são os mais utilizados na confecção de artefatos. Teve ainda mostra de compostagem, que é o conjunto de técnicas aplicadas para controlar a decomposição de materiais orgânicos, com a finalidade de obter, no menor tempo possível, um material estável, rico em nutrientes. (FV)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran