Aproveitamento integral de alimentos gera economia

Professores e acadêmicos da UNIGRAN preparam diferentes receitas com alimentos que muitas vezes vão para o lixo
No país do desperdício, quilos de alimentos vão parar no lixo todos os dias. É um habito cultural dos brasileiros desprezar folhas e talos de legumes e a casca de frutas. Esse ID_TIPO de atitude é bastante comum nas residências, supermercados, restaurantes e na própria lavoura e empresas de distribuição de alimentos. Tudo isso que vai parar no lixo pode ser reaproveitado na alimentação humana. Renderia uma boa economia doméstica, sem perdas dos componentes nutricionais. De acordo com a professora Andréa Ribeiro Luz Chamaa, do ID_CURSO de Nutrição da UNIGRAN, a falta de conhecimento da população sobre os potenciais nutritivos dos alimentos e a falta de aproveitamento de muitos deles ocasiona o desperdício de reID_CURSOs alimentares. “O desperdício é um sério problema a ser resolvido na produção e distribuição de alimentos. É preciso aproveitar melhor o que compramos”, diz a professora. Ela diz que estudos demonstram que as cascas e talos de frutas e vegetais apresentam, em geral, teores de nutrientes maiores do que os de suas partes comestíveis. Um exemplo disso, segundo a nutricionista, é que alimentos apresentados como empanado de casca de banana, suflê de casca de chuchu e patê de talos podem ser úteis como fontes alternativas de alimentos ou como ingredientes para obtenção de preparações processadas. Todo esse aproveitamento é seguido com muita precisão pelos nutricionistas que repassam seus conhecimentos para a população em geral. Os futuros profissionais de Nutrição da Unigran já conhecem a importância do reaproveitamento dos alimentos e levam tudo o que aprendem na faculdade para as unidades de estágio, em hospitais, creches e demais entidades de Dourados. A estudante Anielli Cavalcante faz estágio no Programa Mesa Brasil, desenvolvido pelo Sesc. O Programa tem como meta garantir a segurança alimentar e nutricional sustentável, por redistribuir alimentos excedentes próprios para o consumo. Nele são realizados ID_CURSOs práticos com funcionários que preparam as refeições de hospitais, escolas restaurantes. “Ao participar do ID_CURSO as pessoas compreendem o quanto é necessário trabalhar com o alimento de forma integral, ou seja, a partir do momento que ocorre as sobras, utiliza-se para o preparo de outros alimentos”, explica a acadêmica. (FV)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran