Projeto de atividade física da UNIGRAN atua na recuperação de pacientes

Alunos e professores de Educação Física orientam atividades moderadas com moradores, em três unidades de ESF, da Secretaria de Saúde.
Projeto do ID_CURSO de Educação Física da UNIGRAN, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, desenvolve ações de promoção e recuperação da saúde de pacientes diabéticos e hipertensos de Dourados. Em dias alternados da semana, pacientes de três unidades de Estratégia da Saúde da Família (ESF) fazem atividades físicas de alongamento e caminhadas. O projeto é recente, mas os resultados já apareceram, na melhoria da qualidade de vida. Durante uma DATA_HORA em cada sessão de atividades físicas, os pacientes são assistidos pelos acadêmicos de Educação Física, que desenvolvem o projeto de forma supervisionado pelos professores Carlos Muchão e Zélia Parizotto. Os ESF’s atendidos são do Jardim Flórida I, 4º Plano e Vila Hilda, locais onde também são desenvolvidos o Projeto Hiperdia, do ID_CURSO de Enfermagem da UNIGRAN, com o público hipertenso e diabético. As pessoas que participam são pacientes encaminhados pelos agentes de saúde. A maioria deles são usuários de remédio contínuo e necessitam do auxílio de profissionais na promoção da qualidade de vida. O educador físico é um deles. A professora Zélia explica que as novas matrizes curriculares do ID_CURSO atribuem à inserção de acadêmicos da Educação Física na promoção e recuperação da saúde de pessoas em áreas ainda não trabalhadas, a exemplo dos postos de saúde. Dessa forma o projeto foi encaminhado à Secretaria de Saúde como obtenção de atender os pacientes de forma interdisciplinar. O educador físico, segundo a professora, participa na prescrição de atividades físicas, modalidade importante e fundamental para assegurar a saúde das pessoas, recomendadas por médicos e pelo Ministério da Saúde. Devido os pacientes hipertensos e diabéticos utilizarem medicamentos, os exercícios são moderados. Utiliza-se o processo aeróbico (atividades com intensidade média ou baixa). Essas atividades também funcionam de forma que a pessoa consiga executar os exercícios sem cansaço extremo, fortalecendo os músculos e melDATA_HORAndo o sistema circulatório. Tudo inicia com uma série de alongamento, com exercícios de força para a manutenção da capacidade funcional do organismo, explica a professora Zélia Parizotto. Em seguida inicia-se a caminhada, sempre com o auxílio dos profissionais da Educação Física. Durante as atividades os acadêmicos ainda aferem a pressão arterial dos pacientes e utilizam o frequencimetro - instrumento utilizado para medir a frequência dos batimentos cardíacos. O encerramento é feito com nova série de alongamento. O projeto começou a ser desenvolvido no início desse semestre e os pacientes já estão apresentando melhoria na qualidade de vida. A aposentada Helena Bragagnollo participa há um mês das atividades. Ela integra a equipe do posto de saúde da Vila Hilda, em que o projeto é desenvolvido na Praça Paraguaia, local onde há pista de caminhada e amplo espaço físico para atender os pacientes. “Pratico caminhada há muitos anos, mas sempre fiz sozinha ou acompanhada de algumas amigas. Essa é a primeira vez que participo de um projeto que é acompanhado por profissionais. É interessante receber orientação sobre a maneira correta de praticar os exercícios, de fazer alongamento”, avalia a aposentada, que considera importante a ação do ID_CURSO de Educação Física. Quem também participa do projeto no posto da Vila Hilda é o vigia Osvaldo de Castro. Com problemas de coluna e nas articulações das pernas e tornozelos, foi encaminhado pelos agentes de saúde para ser assistido pelos acadêmicos e professores da UNIGRAN, como incentivo à prática de atividades físicas. “Atividades em grupo sempre são mais interessantes. Além disso, recebemos orientações corretas”, disse ele, que participa há um mês. “Nesse curto intervalo de tempo pude perceber uma melDATA_HORA na minha saúde. Desde então participo de todas as atividades”, assegurou. No ESF do Jardim Florida I (W 16) as atividades são desenvolvidas às segundas, quartas e sextas-feiras, das 7h às 8h e das 16 às 17h. No 4º Plano funciona às terças e quintas-feiras, das 16h às 17h. E na Vila Hilda (desenvolvido na Praça Paraguaia) às terças e quintas-feiras, das 7h às 8h. O projeto teve início no ano passado, no posto do Jardim Flórida I. Dois acadêmicos de Educação Física durante o desenvolvimento do Trabalho de Conclusão de ID_CURSO (TCC) passaram a desenvolver as atividades físicas com os pacientes. Com o término da pesquisa o projeto se encerrou, mas devido a comunidade ter recebido o projeto como de fundamental importância a promoção e recuperação de saúde dos pacientes, solicitação encaminhada por eles foi feita junto ao ID_CURSO de Educação Física da UNIGRAN. Segundo a professora Zélia Parizotto, a proposta foi aceita pelo coordenador do ID_CURSO Carlos Muchão e agora o projeto visa atender a partir do ano que vem outras unidades de Estratégia de Saúde da Família de Dourados. (FV)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran