Sustentabilidade é estratégias de operacionais de negócios.

Antônio de Loureiro Gil abriu ontem o ciclo de palestras do ano letivo do ID_CURSO de Ciências Contábeis da UNIGRAN.
Sustentabilidade não está relacionada apenas ao meio-ambiente, de acordo com Antonio de Loureiro Gil, consultor nas áreas da gestão e auditoria. Está ligada também aos negócios e implica em todo ID_TIPO de decisão que possa gerar prejuízos às próximas gerações. Palestrante na noite desta quinta-feira, no ID_CURSO de Ciências Contábeis da UNIGRAN, o consultor apontou a necessidade de implantar indicadores que meçam a qualidade das empresas. A palestra “Práticas contábeis para a gestão de sustentabilidade” foi realizada em parceria a UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), e teve o status de aula inaugural nos ID_CURSOs de Ciências Contábeis das duas instituições. O coordenador de Contábeis da UNIGRAN, Domingos Venturini, disse que perspectivas e desafios do contador serão temas centrais que estarão em debate. Palestra Segundo ele, discutir a realidade do mercado de trabalho visa garantir aos acadêmicos e profissionais da área a troca de conhecimentos técnico e científico, principalmente com a participação de palestrantes destacados no mercado, a exemplo de Loureiro Gil, doutor em Controladoria e Contabilidade pela USP, com experiência na área de administração, tecnologia da informação, balanço intelectual, entre outros, além de ser autor de livros. A Gestão da Sustentabilidade Empresarial foi apresentada pelo gestor como a tecnologia de consumo universal no ambiente empresarial do século XXI, compreendendo práticas comportamentais e tecnológicas segundo os momentos do planejamento e controle estratégico e tático do negócio privado ou governamental. O consultor explica que Gestão da Sustentabilidade visa ao estudo do equilíbrio entre os resultados alcançados com a alocação das margens financeiras positivas ou lucro bruto operacional - visão da controladoria (contábil-financeira) - face sua destinação a projetos sócio-ambientais ou projetos comportamental-tecnológicos - continuidade operacional do negócio (linhas de produtos ou serviços) em ação. A idéia da continuidade do negócio face á concorrência crescente e a constante mudança do “humor consumista” dos clientes é a vertente determinante das práticas para gestão da sustentabilidade ou auditoria da gestão da sustentabilidade. Loureiro Gil destaca que a continuidade dos negócios depende da sustentabilidade proporcionada por atuação voltada ao interesse da coletividade a qual produtos e serviços são direcionados. Entretanto, o consultor adverte os contadores a estar inseridos nas áreas de finanças, reID_CURSOs humanos, para analisar a continuação da empresa de maneira integrada, no sentido de entender se as informações e indicadores estão no “caminho da continuidade”. (FV)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran