Plantas Tóxicas e Suplementação Alimentar integram ciclo de palestras da Jornada de Veterinária.

Médicos veterinários Ricardo Amaral e Lucas Gutierre (2º quadro) ministraram na UNIGRAN, sexta-feira.
Plantas tóxicas para ruminantes e eqüinos em Mato Grosso do Sul e Manejo de suplementação de nutrição animal foram as palestras da tarde de sexta-feira, 12, da IV Jornada de Medicina Veterinária. O evento tratou sobre diversos aspectos da produção de animais de grande porte, ressaltando a importância do profissional para o bom desempenho na produção. A abordagem sobre ID_TIPOs comuns de plantas tóxicas e os procedimentos que devem ser feitos pelo médico veterinário foram discutidas na palestra do professor Ricardo Antônio Amaral de Lemos, da UFMS. O palestrante falou sobre diversas plantas tóxicas do Brasil e deu enfoque às plantas tóxicas de Mato Grosso do Sul, de interesse pecuário.. Ricardo Lemos falou que o médico veterinário deve conhecer as plantas tóxicas para trabalhar com excelência e garantir que não haja perda de animais ao criador. Ele reforça que a intoxicação pode matar toda uma criação e que o tratamento do animal intoxicado é muito difícil, o que comprova a responsabilidade do veterinário no diagnóstico da alimentação. “Muitos não têm solução, é muito mais fácil tomar medidas de precaução do que pensar em um possível tratamento”, afirmou. Já Alexandre Godoy, médico veterinário do Centro Hípico da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada, disse que essa não é a primeira palestra vista por ele sobre plantas tóxicas e que o assunto é de extremo valor ao profissional. “Posso dizer com propriedade, porque já assisti a outras palestras e já passei por isso. Com a maturidade profissional damos importância a esse assunto, a vivência faz estudarmos mais”, falou Alexandre Godoy. Suplementação – Para ministrar palestra sobre “Aspectos Práticos de Manejo de Suplementação” foi convidado o médico veterinário Lucas Gutierre, consultor técnico da Maçal, empresa de nutrição animal, e coordenador do projeto Doutor do Campo. O veterinário desenvolve ID_CURSOs de capacitação para produtores sobre a suplementação de alimentação animal. Gutierre disse que através dos ID_CURSOs, a empresa tem diminuído os erros relacionados ao manejo de suplementação e aumentado a produtividade. Para ele, a área de nutrição animal é abrangente e deve ser analisada quando o acadêmico tiver de escolher a área a ser seguida. “Eu acho que hoje muita coisa gira em torno de nutrição, a gente pode trabalhar muito bem a fazenda por sanidade, a gente pode ter o melhor manejo, o melhor funcionário, mas se não tiver uma nutrição não teremos sucesso no nosso trabalho”, reforçou. A aluna de Medicina Veterinária da UNIGRAN, Josely Leite da Silva Pereira, acredita que a Jornada proporcionou conhecimentos que serão aplicados na faculdade e também na vida profissional. “[A jornada] teve palestras muito produtivas, foram abordados temas muito importantes, deu pra aprender bastante”, falou a aluna. (MC)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran