Projeto de acadêmica da Unigran é selecionado para Congresso Internacional de Farmácia.

Sob orientação do professor André Muller, aluna Christiane Dias esclarece público adolescente sobre a toxicidade de plantas caseiras e medicinais.
O projeto de extensão da acadêmica Christiane Dias dos Anjos Cunha, do 6º semestre de Farmácia da UNIGRAN, foi selecionado para o VI Congresso Internacional de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (Cifarp), que acontecerá entre os dias 3 e 5 de setembro. O Projeto trata do “Nível de conhecimento sobre uso de fitoterápicos de alunos do terceiro ano do ensino médio”, e tem como orientador o professor André Muller, coordenador do ID_CURSO de Farmácia. Segundo a acadêmica, foram realizadas oito palestras em escolas estaduais, por meio desse projeto que tem o objetivo de informar a comunidade sobre os riscos que algumas plantas tóxicas representam para a saúde e os efeitos adversos causados pelo uso inadequado de plantas medicinais. “Em Dourados, as pessoas usam muito plantas medicinais, e acabam usando de forma errada e se intoxicando”, afirma a aluna. Ela disse também que algumas plantas, como a mamona, se ingeridas por uma criança, por exemplo, pode levá-la ao óbito. De acordo com o professor André Müller, esse é um trabalho de conscientização com alunos que vão ingressar na faculdade, acerca da idéia errônea de que tudo que é natural faz bem. “O projeto é extremamente rentável, porque os nossos universitários conhecem bastante sobre os ID_TIPOs de plantas, mas quando nós vamos até a população percebemos grande falta de informação”, declarou. Ele falou que uma pesquisa feita por meio do projeto revela que 50% dos estudantes do Ensino Médio não sabem quais plantas podem ser tóxicas. Alguns exemplos de plantas tóxicas são: comigo-ninguém-pode, mandioca-brava, coroa-de-cristo, bico-de-papagaio, folhas-de-figo, espirradeira, trombeteira ou bela-dona, entre outras. Entre as plantas medicinais que podem oferecer riscos ao usuário estão o confrei, a cernica, a losna, o ruibarbo, a babosa, a cáscara-sagrada e o sene. O projeto prevê atividades de esclarecimento aos alunos das escolas estaduais Ramona Pedroso, Presidente Vargas, Abigail Borralho, Maria da Glória, Vilmar Matos, Alício Araujo, Antônio Capilé, Prof. Floriano, Nélson de Araújo, Viegas Machado, Menodora, Reis Veloso e Castro Alves. (BD)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran