"Ritual dos grãos" é uma das atrações artísticas da Festa da Colheita.

Índio Guaracy grava, nos estúdios da UNIGRAN, narração da peça que será um dos pontos altos da Festa que acontece no CTG, nestes sábado e domingo.
A “I Festa da Colheita” de Dourados acontece neste final de semana, no CTG “Querência do Sul”, com uma programação para todos os públicos. Palestra sobre a atuação empreendedora da mulher no agronegócio, com a secretária de produção do Estado, Tereza Cristina Corrêa Costa Dias, homenagens a agricultores da região, eleição da rainha da festa, jantar à moda italiana, no sábado, e churrasco no fogo de chão, no almoço de domingo, shows musicais, e uma grande produção teatral. A festa é aberta ao público em geral, e parte da arrecadação será revertida para a construção do Hospital do Câncer de Dourados. Mais de cinqüenta alunos do CTG, nos ID_CURSOs de danças e coreografias tradicionais do Rio Grande do Sul, vão encenar “O ritual dos grãos”, peça dirigida pelo coreógrafo Índio Guaracy. A coreografia é baseada em sua crônica sobre a relação do homem com a terra, e do tempo, como “senhor de todos”. O texto é romanceado, mas também crítico, no ponto em que diz que, na fartura, o produtor deixa de lado suas reivindicações por melhores estradas e justiça fiscal, por exemplo. “A intenção é que o agricultor veja a sua própria história e se emocione”, disse Guaracy. Ele explica que uma peça do porte que será apresentado levaria cerca seis meses de produção. No entanto, foi montada em quinze dias de ensaios intensivos. Outro desafio foi criar alguns efeitos de cena que precisa, à luz do dia. A solução será um telão que vai compor o cenário e onde o público verá uma verdadeira produção audiovisual paralela, mas integrada ao roteiro dos atores. A montagem desse trabalho foi feita nos laboratórios multimídia da UNIGRAN, pelos técnicos em edição de imagens e de som Luciano Pastor de Lima e Ivann Martin, e do diretor da peça. A Festa da Colheita de Dourados é uma iniciativa da comunidade gaúcha de Dourados, idealizada por Ermínio Guedes, patrão do CTG, que pretende que ela se torne uma celebração anual da felicidade. “Eu espero um grande momento de celebração, de comemoração da felicidade de alguém que deseja alguma coisa, trabalha para tê-la, com motivação, e obtém resultado”, disse. Guedes falou também que as parcerias – com empresas e instituições do governo e da sociedade civil – são fundamentais para o sucesso do evento. Encarregada da organização dos espaços, decoração dos ambientes e de alguns eventos da festa, a UNIGRAN é uma dos parceiros do CTG nessa iniciativa. “Um grande evento precisa de uma grande parceria, essa é a estratégia número um dos grandes acontecimentos [e] o que a Unigran está fazendo é uma boa semente, a gente espera muito disso”, disse. (JR)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran