UNIGRAN participa do projeto "Mastologia nos Bairros", em Macaúba.

Acima: Acadêmica preenche ficha de anamnese: Distrito de Macaúba recebeu estudantes que auxiliaram os atendimentos preventivos de câncer de mama.
Juntamente com a Rede Feminina de Combate ao Câncer, acadêmicos dos ID_CURSOs de Biomedicina e Enfermagem da UNIGRAN auxiliaram, neste domingo de manhã (27), a realização de exames preventivos, nas moradoras da região do Distrito de Macaúba. O projeto “Mastologia nos Bairros” está atendendo a mulheres de várias localidades do município, desde o primeiro semestre, e conta também com a participação voluntária de médicos e outros profissionais da saúde e acadêmicos da UEMS. O projeto oferece exames clínicos e laboratoriais completos, que buscam identificar o câncer de mama precocemente. A participação dos acadêmicos da Instituição é supervisionada por professores, dentro de um projeto de estágio supervisionado e extensão de 80 DATA_HORAs, por acadêmico. Para a presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer, Iracema Tibúrcio, é isso que está tornando possível a realização desse projeto de prevenção. “Essa parceria está sendo maravilhosa e, sem ela, não conseguiríamos estar trabalhando. Eles [alunos] se dedicam muito em atender à comunidade da melhor maneira possível e as pacientes estão aprovando”, declarou. O professor Wanderley Schimidt, orientador dos acadêmicos da UNIGRAN, explicou que a avaliação e o rastreamento realizado pelos alunos ajudam bastante no controle da doença. Os acadêmicos fazem a primeira entrevista com as pacientes e ajudam os médicos, por exemplo, nos exames de mama. “Os acadêmicos estão envolvidos e trabalham bastante para beneficiar a população; além de exames preventivos, estamos encaminhando algumas mulheres para exames de mamografia e ultrassonografia”, ressaltou. Os médicos integrantes do projeto são os mastologistas Ana Tereza Gusmão e Antonio Carlos Gasparoto. Segundo o médico, o maior problema no aumento do índice de câncer de mama continua sendo a falta de informação. “Nós precisamos conscientizar as mulheres de que o simples toque nos seios e os exames devem ser realizados, porque se feito o exame de Mamografia e detectado algum ID_TIPO de tumor precocemente, o tratamento e a cura podem atingir até 100% de resultados positivos, em casos de tumores com tamanho de até 1 centímetro”, esclarece Gasparato. Ele também avalia positivamente a participação dos acadêmicos da Instituição no projeto “Mastologia nos Bairros”. “Uma das funções da universidade é formar profissionais com a finalidade de ajudar a população, aqui, nesse projeto, eles estão colocando em prática os conhecimentos e estão aprendendo a ter uma relação médico/paciente”, disse ele. O projeto de prevenção do câncer de mama é divulgado previamente nas regiões atendidas e realizado sempre aos domingos pela manhã, para que as mulheres participem. A dona de casa Iranice Ribeiro Silva, disse que, aos domingos, é bem melhor, porque não precisa se preocupar com os filhos e nem com a casa. “Eu só pude participar porque meu marido ficou em casa com as crianças; então, eu combinei com as minhas amigas e participamos juntas, o atendimento foi muito bom”, disse. Para a trabalhadora rural Maria de Lurdes, o atendimento é uma necessidade, uma vez que muita gente mora em fazendas e tem dificuldade para ir à cidade durante a semana, procurar orientação médica e fazer exames. “Com esse projeto, eles (médicos) vêm até pertinho de nós; então, as mulheres não têm desculpa se faltarem”, disse Maria. A próxima localidade a ser contemplada com o projeto itinerante “Mastologia nos Bairros” é o Distrito de Itahum. A ação está marcada para 17 de setembro. (KP-JRA)

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran