Infecção hospitalar é tema de aula-palestra no ID_CURSO de Farmácia.

A farmacêutica e bioquímica Letícia Castellari envolveu os acadêmicos num assunto que vão discutir na profissão.
Para os acadêmicos do segundo ano de Farmácia, o assunto “infecção hospitalar” é parte do conteúdo programático da disciplina de Microbiologia. Mas a coordenadora do ID_CURSO, professora Adriana Mestriner, decidiu envolver também a turma de primeiro ano nesse estudo. Ela considera válida a participação de todos do ID_CURSO, nessa discussão, uma vez que o farmacêutico desempenha importante papel nas chamadas CCIH (Comissões de Controle de Infecção Hospitalar), que todo hospital deve ter. “Na verdade é mais para fins de informação, para eles conhecerem o assunto desde já”, disse a professora. Nesta quarta-feira, ela reuniu os alunos no anfiteatro para uma aula-palestra da farmacêutica e bioquímica Letícia Castellari Duarte, que também é docente da Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde da UNIGRAN. Na palestra, a professora Letícia Castellari fez uma exposição na qual explicou as origens históricas desse problema, que hoje significa altos prejuízos financeiros e, muitas vezes, perdas de vidas. Ela mostrou que, até o início do século XX, pacientes chegavam a compartilhar leitos em enfermarias e que os próprios profissionais que os atendiam, sem pensar, eram agentes transmissores de doenças. Nesse quadro, um entre quatro pacientes morria e o que parece óbvio nos dias atuais, já foi motivo de “grandes descobertas” no campo da Epidemiologia. Assim, os primeiros epidemiologistas verificaram que a simples lavagem das mãos reduzia a incidência de doenças nos hospitais. Hoje, as rotinas de higiene pessoal, bem como as de esterilização de ambientes, roupas e materiais que são compartilhados por profissionais de saúde e pacientes são obrigatórias. O estabelecimento das CCIH, que são compostas por profissionais de diversas especialidades, entre elas, a do farmacêutico hospitalar, é uma das medidas previstas em lei para se evitar o adoecimento de pessoas por contaminação adquirida dentro de unidades hospitalares.

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran