Educação Física
Habilitação BACHAREL
Reconhecimento Curso Nota 4
Investimento R$ 549.00
Duração e Periodo MATUTINO|NOTURNO
8 semestres

* Valor da mensalidade com desconto de pontualidade, válido somente para pagamento até o dia 10 de cada mês.
VESTIBULAR INSCRIÇÕES ABERTAS INSCREVA-SE
A UNIGRAN possui uma generosa estrutura olímpica, com mais de 8.000m 2 , com quadras cobertas, campos de futebol, piscina semiolímpica e terapêutica e academia, que juntamente com os laboratórios de anatomia, formam um profissional com pleno conhecimento da dinâmica e das necessidades e possibilidades do corpo humano no que diz respeito a atividade física.

Possui duas possibilidades de grau acadêmico: licenciatura e bacharelado. Posteriormente, após a conclusão de um dos graus, o profissional que cursou a licenciatura, pode, por exemplo, ingressar no bacharelado, onde fará uma adaptação de modo a conseguir também esta titulação e vice-versa.

De modo geral, o profissional da educação física organiza e supervisiona atividades físicas, com objetivos esportivos ou então buscando melhor condicionamento e saúde. Para exercer a profissão, é necessário registro no Cref (Conselho Regional de Educação Física).
Introdução ao estudo anatômico. Sistema ósseo. Sistema Articular. Sistema muscular. Sistema nervoso. Sistema Nervoso Autônomo. Sistema circulatório.
Introdução da História da Educação Física. Bases da Educação Física Moderna. História da Educação Física e do Esporte no Brasil. Organização esportiva. Esquematização para Organização Geral de Eventos Esportivos. Sistemas de Disputa para Competições Esportivas. Principais Processos para realizar uma Competição Esportiva.
Linguagem verbal e não verbal como representação da realidade. O processo de comunicação. Leitura, interpretação e produção de textos orais e escritos, com ênfase em seus aspectos estruturais, semânticos, sintáticos, pragmáticos e discursivos. Gêneros textuais. Análise linguística dos textos produzidos pelos acadêmicos. Artigos científicos.
Conhecimento da evolução histórica da ginástica e sua conceituação no tempo presente. Análise da ginástica como proposta viável nos processos formativo e educativo que colaborem com a efetivação de uma pedagogia de movimentos na Educação Física Escolar. Entendimento da postural correta na execução dos exercícios ginásticos. Planejamento de exercícios físicos considerando os aspectos: fisiológicos, sociológicos e os fundamentos didático-pedagógicos na orientação da prática da ginástica. Refletir de forma crítica, sobre o papel da ginástica na formação do aluno, para se ter qualidade de vida e para a saúde. Elaborar e ministrar uma aula de ginástica em diferentes níveis de ensino a partir da análise crítica da realidade.
Observação crítica das características gerais e específicas do Atletismo, entendendo e refletindo seu contexto formativo nas escolas e nas associações atléticas; o processo pedagógico da iniciação ao treinamento, do ponto de vista da execução prática, embasados em teorias e aplicação metodológica de técnicas de aprendizagem. Observação de alguns exemplos positivos para estruturação da teoria e prática das técnicas de aprendizagem.
Sistema Respiratório, Sistema Digestório; Sistema Urinário, Sistema Genital (Masculino e Feminino); Sistema Endócrino; Sistema Sensorial e Sistema Tegumentar.
Observação crítica das características gerais e específicas do Atletismo, entendendo e refletindo seu contexto formativo nas escolas e nas associações atléticas; o processo pedagógico da iniciação ao treinamento, do ponto de vista da execução prática, embasados em teorias e aplicação metodológica de técnicas de aprendizagem. Observação de alguns exemplos positivos para estruturação da teoria e prática das técnicas de aprendizagem. Construção de planos de ensino em instituições escolares.
Diferenciação celular. Estrutura, constituição e fisiologia dos componentes celulares e organelas citoplasmáticas. Biomembranas, Divisão celular: mitose e meiose. Base da informação genética. Transmissão e manifestação genética. Fundamentos teórico e práticos sobre os tecidos: epitelial, conjuntivo, cartilaginoso, ósseo, nervoso e muscular.
A Educação Física como atividade profissional. Regulamentação da profissão. O perfil do profissional de Educação Física. Atuação e produção do conhecimento em Educação Física. Ética Profissional. Bioética.
Leitura, interpretação e produção de textos multimodais, com ênfase em seus aspectos estruturais, semânticos, sintáticos, pragmáticos e discursivos. Gêneros textuais.
Conhecimentos básicos acerca da natação, apresentação histórica procedimentos pedagógicos de ensino – aprendizagem, como deslocamento no meio líquido e adaptação a ele. Conhecimentos das propriedades físicas da água e seus aproveitamentos nas questões didáticas e pedagógicas das aulas de natação. A natação como desenvolvimento motor e das funções psicomotoras (sensório-motor). Processos metodológicos de ensino, regras e fundamentos relacionados aos nados crawl, costas, peito e borboleta, natação para bebes, modalidades abrangidas pela CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos), técnicas de salvamento aquático.
Histórico. Regras. Técnicas de execução dos fundamentos individuais. Jogos pré-desportivos, Súmulas, Iniciação no Basquetebol.
Estudo bioquímico da célula. Bioquímica de aminoácidos e Proteínas. Enzimas. Bioquímica de Carboidratos. Bioquímica de Lipídios. Integração e controle do Metabolismo. Bioquímica aplicada ao exercício físico.
Conceitos básicos para o filosofar. Origens dos Pensamentos. As Dimensões da Vida Humana.
Homeostase no corpo humano. Fisiologia muscular. Fisiologia do sistema nervoso. Fisiologia cardiovascular. Fisiologia respiratória.
História e evolução do handebol no Brasil, técnicas, direção e organização do jogo. Fundamentos básicos, arremessos e tiro a gol. Regras oficiais do jogo. Mini-hand.
Conceitos sobre nutrição. Processo de digestão e absorção dos alimentos. Nutrição e atividade física. Macronutrientes e Micronutrientes na atividade física. Água: hidratação e desidratação. Guias alimentares. Transtornos alimentares. Suplementos ergogênicos. Anabolizantes: ações e efeitos colaterais.
A disciplina estuda as várias possibilidades de sua utilização como instrumento da Educação Física, na promoção da saúde, da qualidade de vida e na formação do cidadão consciente dos seus deveres e direitos. Assim como as diferentes habilidades motoras específicas do voleibol, e as formas metodológicas para o ensino e aplicação das mesmas. Estuda a história e evolução do esporte, assim como suas características gerais como esporte coletivo e sua utilização no processo pedagógico dos diferentes níveis escolares. Processo ensino-aprendizagem da técnica esportiva relacionada ao voleibol, sistema de recepção, sistema de defesa e sistema de ataque. Regras oficiais atualizadas e as variações do esporte.
Estudo das possibilidades de aplicação do basquetebol, nas suas mais variadas formas de manifestação, na sociedade. Fundamentos individuais de defesa. Táticas ofensivas e defensivas.
Importância de estudos sobre o crescimento e desenvolvimento humano. Crescimento, desenvolvimento, maturação e experiência. Desenvolvimento motor. Influência da maturação biológica. Influência dos aspectos genéticos e do meio ambiente. Associação entre prática da atividade física e aspectos morfológicos e funcionais.
Aprendizagem e desenvolvimento da Dança e suas diferentes modalidades, oferecendo subsídios para o trabalho coreográfico por meio da exploração de movimentos, capacitando e respeitando as habilidades motoras individuais, integrando sua atuação no grupo e oportunizando as diferentes experiências de movimentos ritmados e expressões corporais, seja no âmbito da escola ou em instituições específicas de Dança.
Fisiologia renal. Equilíbrio ácido-base. Fisiologia do sistema endócrino. Fisiologia do aparelho digestório. Fisiologia do aparelho reprodutor masculino e feminino. Fisiologia do sangue.
História e evolução do handebol no Brasil, técnicas direção e organização do jogo. Fundamentos básicos, arremessos e tiro a gol. Defesa e ataque. Regras oficiais do jogo. Mini-hand.
Introdução à Recreação; Recreação Educativa; Recreacionistas; Organização das Atividades Recreativas; Dinâmicas Recreativas; Novas perspectivas para a atuação na prática escolar.
Fundamentos antropológicos: a cultura condiciona a visão de mundo do homem. Desenvolvimento histórico e fundamentos do pensamento sociológico (Marx, Weber e Durkheim). O corpo na vida cotidiana. Política educação e corpo. Degradação social, globalização e neoliberalismo.
Introdução à Bioestatística. Conceitos Fundamentais. Estatística Descritiva e Estatística Inferencial. Organização de Dados; Medidas de Tendência Central ou de Posição; Medidas de Dispersão ou de Variabilidade. Hipóteses Estatísticas. Amostras. Testes Paramétricos; Testes Não-Paramétricos. Bioestatística Computacional.
Propostas rítmicas as quais possibilitem a compreensão dos elementos associados ao ritmo e ao movimento como suporte estrutural para conscientização do fenômeno educacional; vivência do corpo no espaço e reconhecimento da expressão corporal como meio de comunicação; entendimento da Ginástica Rítmica (GR), enquanto disciplina curricular, na formação profissional da área de Educação Física; possibilidade de aprendizagem a nível teórico, prático e metodológico, bem como, de construção de movimentos adaptados aos diferentes campos de trabalho, seja no lazer, na atuação com terceira idade, no treinamento esportivo ou na escola.
Introdução ao Estudo do Lazer; Educação e Lazer; Atuação do Profissional; Educação Física, Lazer e Sociedade; Temas sobre Lazer; Novas perspectivas para as Áreas de Atuação.
Concepções sobre a surdez e sua língua natural, Libras. A importância do diagnóstico precoce e o papel da família e dos educadores. Educação de surdos no Brasil. Métodos de ensino: oralísmo, comunicação total e bilinguismo. Políticas Públicas Educacionais. Educação de Surdos na Educação Especial: primeiros passos. Aspectos gramaticais básicos: parâmetros do sinal. O Intérprete Educacional. Mercado de trabalho como alvo dos movimentos surdos. Sinais e formulações de frases com aulas práticas na Língua Brasileira de Sinais.
Observação crítica das características gerais e específicas e culturais das “lutas”, entendendo e refletindo seu contexto formativo nas escolas e entidades esportivas, o processo pedagógico da iniciação ao treinamento, do ponto de vista da execução prática, embasados em teorias e aplicação metodológica de técnicas de aprendizagem. Observação de alguns exemplos positivos para estruturação da teoria e prática das técnicas de aprendizagem. Estudo dos diferentes tipos de Lutas.
Introdução ao Conhecimento Científico. Métodos Científicos. Estrutura da Ciência. Planejamento de Pesquisa. Elaboração do Projeto de Pesquisa.
Introdução ao estudo da biomecânica aplicada ao profissional licenciado em educação física. Aspectos fisiológicos aplicados à biomecânica. Biomecânica do Tronco. Biomecânica dos membros superiores. Biomecânica dos membros inferiores.
Aspectos Gerais do conceito de Deficiência física, mental e cognitiva. O papel do profissional da Educação Física em relação às deficiências. Introdução as praticas do profissional de Educação Física e suas aplicações à Educação e integração deste portador de necessidades especiais no contexto coletivo e individual. Educação Física Especial enquanto campo de atuação profissional e fenômeno sócio-cultural, na valorização das diferenças nos diferentes segmentos da sociedade.
Características gerais do Futebol e do Futsal. Fundamentos técnicos do Futebol e do Futsal. Processo ensino-aprendizagem da técnica esportiva. Jogos pré-desportivos. Regras oficiais do Futebol e do Futsal. Funções e posicionamento dos jogadores. Sistemas referenciais. Sistemas de marcação (tática defensiva) e tática ofensiva.
Observação crítica das características gerais e específicas da Ginástica Olímpica, entendendo e refletindo seu contexto formativo nas escolas e nas associações esportivas; o processo pedagógico da iniciação ao treinamento, do ponto de vista da execução prática em aparelhos, embasados em teorias e aplicação metodológica de técnicas de aprendizagem. Observação de alguns exemplos positivos para estruturação da teoria e prática das técnicas de aprendizagem. Construção de planos de ensino em instituições escolares.
Métodos Científicos. Estrutura da Ciência. Planejamento de Pesquisa. Elaboração do Projeto de Pesquisa. Normas para trabalhos científicos.
Cineantropometria. Avaliação Antropométrica. Medidas antropométricas. Avaliação Somatotipológica. Avaliação da aptidão cardiorrespiratória. Avaliação das Valências Físicas Avaliação neuromuscular. Avaliação Postural. Aplicação das medidas antropométricas. Prescrição de Exercícios Físicos.
Princípios de Cinética aplicados ao movimento humano. Tipos de contração muscular. Marcha humana, Ação muscular na biomecânica do tronco, membro superior e membro inferior. Princípios de análise de movimento.
Observação e participação em atividades desenvolvidas em clubes e academias. Promoção de atividades para portadores de Hipertensão Arterial. Orientação de atividade física para a manutenção da saúde. Recomendações sobre os procedimentos do profissional de Educação Física na atenção básica à saúde. Promoção e realização de grande evento esportivo: OLIGRAN. Promoção de atividades de esportes e lazer na comunidade, através de projeto de extensão: UNIGRAN vai à comunidade. Construção de projetos, Atividade Física para pessoas dos NASFs.
Princípios da Fisiologia do Esforço. Aspectos básicos relativos à aplicação da Fisiologia ligados a Atividade Física. Bioenergética. Adaptações orgânicas ao esforço. Parâmetros fisiológicos utilizados na avaliação física. Exercício e meio ambiente. Atividade física e saúde.
Saúde coletiva e inclusão do profissional de Educação Física nos atuais modelos de saúde, como pesquisador e ator fundamental na equipe multiprofissional. Conceitos básicos e principais tendências em: Saúde e Doença; Indicadores de Saúde; Temas sobre Saúde Pública; Epidemiologia; Epidemiologia e Planejamento de Saúde.
Elaboração do Projeto de Pesquisa. Ética em Pesquisa envolvendo Seres Humanos. Estrutura do Artigo Científico.
Estudo de temas vigentes à área da saúde. Abordagem teórico-prática sobre organização, planejamento de eventos esportivos e Fitnes. Participação na organização e aplicação de projetos de extensão desenvolvidos pela UNIGRAN. Participação supervisionada em programas de gestão e animação de lazer e cultura existentes na comunidade.
Noções gerais de administração. O que é um administrador e o processo de administração. As cinco habilidades administrativas e os pensamentos administrativos. O Empreendedorismo. O que é Marketing?. Conceitos e nomenclaturas utilizadas no Marketing. O Marketing e o Profissional de Educação Física.
Contextualização da ginástica ao longo dos tempos; a importância da ginástica e a compreensão do seu papel quanto fenômeno sócio-cultural à aquisição, manutenção e/ou recuperação da saúde como contribuinte para a qualidade de vida; diferentes manifestações da ginastica de academia e propostas de aplicação; classificação e organização dos exercícios ginásticos, com e sem materiais (acessórios), voltados para pequenos e grandes grupos musculares, em diferentes planos e eixos.
Abordagem de temas e execução de procedimentos relacionados à socorros imediatos às vítimas de parada cardiorrespiratória, acidentes com traumatismos musculoesquelético, sangramentos com ou sem hemorragias, asfixia, picadas de animais peçonhentos, afogamentos e outros acidentes possíveis de ocorrer nas práticas esportivas, enfatizando medidas de prevenção e socorro extra hospitalar. Relacionar a higiene pessoal, alimentar e do ambiente a prevenção de doenças, e formação de hábitos e atitudes que promovam a saúde individual e coletiva.
Importância do estudo da musculação e sua aplicação no campo profissional para saúde, qualidade de vida, estética e atletas. Análise de exercícios e aparelhos de musculação, bem como a metodologia e sistemas de treinamento da musculação.
Organização do trabalho acadêmico; Prática da Pesquisa Científica; Elaboração do Artigo Científico; Produção do artigo final.
História e Evolução do Treinamento Desportivo. Bases fisiológicas e biomecânicas gerais. Princípios Científicos do Treinamento Desportivo. Treinamento cardiorrespiratório. Treinamento neuromuscular. Periodização do treinamento. Planejamento do Treinamento.

NOTA DO ENEM

Você pode utilizar o seu desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM – dos últimos 05 anos para fazer um curso superior na UNIGRAN.

PORTADOR DE DIPLOMA

Quem já possui curso superior não precisa participar da prova do Processo Seletivo. É preciso se inscrever pelo site www.vestibularunigran.com.br e comparecer no Núcleo de Apoio Acadêmico com os seguintes acadêmicos: RG, CPF, certidão de nascimento ou casamento, título de eleitor, reservista (sexo masculino), foto 3X4, documento que comprove a conclusão do ensino médio, diploma da Graduação.

PROVA AGENDADA

Vagas remanescentes (aquelas que ainda não foram preenchidas na prova tradicional de Vestibular) acontecem com agendamento prévio.

PROVA DE VESTIBULAR

Há provas tradicionais, marcadas pela UNIGRAN.

TRANSFERÊNCIA

Em desenvolvimento

PERFIL PROFISSIONAL

Com a elevação do nível de consciência social das questões relacionadas à saúde, a valorização do bem-estar e a qualidade de vida aumentou de forma significativa a demanda por estes profissionais. Assim, o profissional precisa possuir conhecimento muito além daquele relacionado ao funcionamento motor do corpo humano, pois dada as especificidades de cada indivíduo e do contexto onde está inserido, informações complementares na área de nutrição e de psicologia formam um profissional completo, capaz de lidar com todas essas variáveis.

O QUE VOCÊ PODE FAZER

O bacharel e o licenciado em educação tem espaço garantido no crescente mercado da vida saudável. Atuando principalmente no condicionamento físico de pessoas comuns ou de atletas, seja em assessoramento particular, ou em clubes e academias, o profissional desempenha papel crucial nesta cruzada contra a obesidade e as patologias que esta acarreta.

Com a licenciatura também pode trabalhar como educador no ensino infantil, fundamental, médio e superior. Há oportunidades também na área médica, pois juntamente com outros profissionais, auxilia pacientes em recuperação pós-cirúrgica. O turismo é outro que demanda cada vez mais esse tipo de mão de obra, com resort, hotéis e navios de cruzeiro, que buscam constantemente maneiras de se diferenciar no mercado, precisam criar atividades recreativas em seus espaços. Nadando da onda do naturalismo, pode ainda coordenar exercícios ao livre, em modalidades mais radicais, como montanhismo, exploração de cavernas e afins.

Programa Institucional

O estudante tem desconto nas mensalidades e, de acordo com a lei, faz até 30 horas de estágio semanal, nos diversos setores da UNIGRAN. Para se inscrever, o aluno procura o Núcleo de Apoio Acadêmico, após matriculado, e preenche ficha própria. De acordo com a disponibilidade de vagas.

Programa Institucional

O estudante que comprovar-se indígena tem 50% de desconto nas mensalidades, concedido pela UNIGRAN. O acadêmico deve participar dos programas de extensão voltados para sua comunidade indígena, em contrapartida

Programa Institucional

Funcionários de organizações cadastradas têm desconto nas mensalidades. Consulte no RH da sua empresa a disponibilidade ou na Tesouraria da Instituição

Programa Institucional

Para os alunos que pagam em dia suas mensalidades, possuem vantagens na UNIGRAN. Informações na Tesouraria

Programa Institucional

Formados pela UNIGRAN possuem desconto de até 50% nas mensalidades para fazer outra graduação na Instituição. Consulte condições na Tesouraria.

Programa Institucional

Familiar de primeiro grau de quem já estuda na UNIGRAN possui desconto nas mensalidades. Para saber mais procure a Tesouraria e saiba como participar.

Programa do Governo Federal

O Fundo de Financiamento Estudantil - FIES - é um programa do Ministério da Educação destinado à concessão de financiamento a estudantes regularmente matriculados em cursos superiores de Instituições de Ensino Superior particulares. O processo seletivo é feito pelo site do programa

Documentação necessária Download

Programa Institucional

Acadêmicos da UNIGRAN que utilizam transporte diário para se deslocar entre as cidades da região para Dourados ou para Campo Grande possuem desconto na mensalidade. Informações na Tesouraria.

Programa do Governo Federal

É um Programa do Governo Federal, que concede bolsas de 50 e 100% de desconto. O processo seletivo é todo feito pelo Governo. Para participar, o interessado deve ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do último ano. O Prouni exige que os estudantes contemplados tenham 75% de aproveitamento em cada semestre.

Documentação necessária Download

Programa do Governo Estadual (MS)

Programa em que o estudante cumpre 20 horas semanais de estágio em instituições conveniadas. O processo de seleção é feito pelo site da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social de Mato Grosso do Sul (http://www.sedhast.ms.gov.br) sempre no início do ano. O participante é contemplado com 90% de desconto na mensalidade do curso superior, sendo 70% concedido pelo Governo e 20% pela UNIGRAN

Fale com a coordenação

Coordenador(a)

Carlos Muchão Castilho

(67) 3411-4276

carlos@unigran.br

Horário de atendimento

MATUTINO

Segunda-feira 07:30 às 12:00

Terça-feira 07:30 às 12:00

Quarta-feira 09:40 às 12:00

Quinta-feira 07:30 às 12:00

VESPERTINO

Sexta-feira 13:00 às 17:00

NOTURNO

Segunda-feira 19:00 às 22:40

Terça-feira 19:00 às 22:40

Quarta-feira 19:00 às 22:40

Quinta-feira 19:00 às 22:40

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
FONE: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167
Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP: 79.824-900 - Dourados/MS
Todos os Direitos Reservados

Baixe os apps Unigran