A Ética, a Profissão Professor e o Ensino Jurídico

Autores:

SILVA,Lenilson Almeida da

RENOVATO,Emerson Almeida

BARUFFI,Alaide Maria Zabloski

Resumo:

Em um momento em que diversas são as crises que têm assolado a sociedade, uma se destaca por ser uma das causas das demais, é a crise moral. Para que o respeito, a dignidade, a autonomia, o compromisso, o bom senso, a humildade, a tolerância, se tornem efetivos compreende-se ser necessário que se incuta na prática das pessoas a ética compromissada com a dignidade humana. Sem a pretensão de aprofundamento do tema ética, mas reconhecendo que este assunto acompanha a história da humanidade – dos gregos aos dias atuais - este artigo tem por objetivo compreender a articulação ética, profissão professor e ensino superior. Com apoio teórico e reflexão faz um percurso pelos conceitos ética, moral e direito, demonstra a necessidade de um mínimo ético para uma educação de qualidade e compreende que para ensinar o comportamento ético não é suficiente a leitura e estudo dos códigos e normas deontológicas, pois a ética para ser apreendida necessita do exemplo, do agir ético na profissão. As considerações finais destaca que é imprescindível educar para a ética na atuação jurídica. Para isso é necessário o compromisso de todos, da instituição, dos professores, dos alunos e daqueles que no dia a dia realizam a justiça. Essa educação ética deve permear toda a formação escolar e os professores devem estar dispostos a contribuir com seus alunos para a aprendizagem que avance além dos conteúdos dogmáticos e que os estudantes estejam dispostos a vivenciar o ensino ético.

Palavras-chave: Ensino Superior. Prática Pedagógica. Valores.

Baixe o artigo aqui