Portal do Aluno
Notícias
03/08/2006 - 16:02
ID_CURSO de Letras abre 2º semestre do ano com palestra sobre textualidade.
O ID_CURSO de Letras da UNIGRAN convidou o professor doutorando Neurivaldo Campos Pedroso Junior, do Instituto de Ensino Superior da Fundação Lowtons de Educação e Cultura (Funlec), como palestrante do seminário realizado segunda-feira (31), que marcou o reinício das aulas, após as férias do meio do ano. Os temas discutidos pelo professor com os alunos do ID_CURSO foram “Textualidade e Transtextualidade”, segundo a visão de um dos lingüistas mais inovadores da história, o francês Roland Barthes (1915-1980). Barthes foi estudioso de gramática, letras clássicas, filologia, literatura – e das artes, em geral – sociologia e semiologia. Em sua bibliografia, inúmeros artigos e diversos ensaios trazem conceitos não-ortodoxos, para a época de 1940 a 1980, sobre literatura, estruturalismo, signos e significação, texto, textualidade, intertextualidade e transtextualidade. Entre esses, a noção de que uma pintura ou uma música instrumental também são textos e a reflexão sobre as relações entre o leitor e o texto escrito são legados de Barthes amplamente utilizados hoje, tanto na mídia de massa quanto por escritores literários e acadêmicos. O professor Neurivaldo Campos explica que a noção de texto de Barthes, como fenômeno artístico, cultural e estético, possibilita a leitura do mundo. Segundo o palestrante, para o professor de Língua Portuguesa, essa noção é imprescindível à formação de personalidades críticas. “Para Barthes, tanto a prática da leitura quanto a prática da escrita estão associadas e, usando-se uma expressão barthesiana, é preciso ler levantando-se a cabeça, ou seja, refletindo; o professor pode se apropriar dessa noção, levá-la para a sala de aula e incutir nos alunos a prática reflexiva”, disse o professor. A coordenadora do ID_CURSO de Letras, a professora-doutora Nara Sgarbi, disse que, além de recepcionar os acadêmicos, na volta às aulas, o seminário teve “o propósito de possibilitar aos alunos momentos de reflexão sobre a importância da análise semiótica no ensino da Língua e das Literaturas de Língua Portuguesa”. Na Semana de Letras, no mês que vem, os temas deverão versar sobre a interação e os diálogos no ensino da Língua Portuguesa. (JRA)
» Acompanhe
UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
Todos os Direitos Reservados. Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP 79.824-900 - Dourados/MS - Fone: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167