ISSN 2316-3992
VOLUME: 4
NÚMERO: 11
EDIÇÃO ESPECIAL
TÍTULO:
IMPLEMENTAÇÃO DA VACINA HPV NO BRASIL: DIFERENCIAÇÕES ENTRE A COMUNICAÇÃO PÚBLICA OFICAL E A IMPRENSA MIDIÁTICA
AUTOR (ES):
Josemari Quevedo1 Adriana Moro Wieczorkievicz2
Resumo: O artigo aborda nuances presentes na comunicação sobre a vacina do HPV, implementada no 1o semestre de 2014 junto ao Programa Nacional de Imunização (PNI) do Brasil. Verifica como o Estado informou à sociedade sobre a tecnologia, a repercussão na mídia e como públicos críticos reagiram à vacina. A metodologia utilizada é a análise de conteúdo qualitativa, que verifica o corpus formado por argumentos da publicidade oficial da campanha de vacinação, de notícias em mídias de domínio público e entrevista focal com coordenadora da campanha do HPV em Curitiba-PR. O tema é discutido a partir do conceito de comunicação pública, no que tange à permeabilidade do Estado a controvérsias, e dos estudos sociais da ciência abordando a tradução da vacina. Verifica-se que a comunicação oficial enfoca a divulgação procedimental da vacina, enquanto a mídia expõe controvérsia sobre a imunização.

Palavras- chave: Comunicação Pública. Tradução. Vacina HPV

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
Faculdade de Ciências Administrativas e Contábeis
Dourados - Mato Grosso do Sul - BRASIL
Todos os direitos reservados a UNIGRAN | 2014