Revista Multidisciplinar da Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde da Unigran | ISSN-1981-3775

Os artigos deverão ser enviados, exclusivamente, por email: interbio@unigran.br

ESTADO NUTRICIONAL DE PRÉ-ESCOLARES DE ESCOLAS PÚBLICAS E PARTICULARES DE DOURADOS/MS.

NUTRITIONAL STATUS OF PRESCHOOL CHILDREN IN PUBLIC SCHOOLS AND PRIVATE DOURADOS / MS.

Autores:
BORGES, Georges Raphael ; MENDES, Rita de Cássia Dorácio²; MOREIRA, Danielly de Oliveira Santos²

Baixe o Artigo aqui (pdf)


Resumo:
O conhecimento do estado nutricional da população infantil de um país é essencial para se avaliar as condições de saúde nesta fase da vida, e torna-se referência na criação de estratégias de promoção de saúde e prevenção de doenças relacionadas com o baixo peso, sobrepeso e obesidade. Objetivo: Avaliar o estado nutricional das crianças de duas escolas públicas e duas escolas particulares da cidade de Dourados/MS, observando as possíveis semelhanças e diferenças de crescimento e desenvolvimento entre os pré-escolares frequentadores do ensino público e privado, como também das distinções destes mesmos fatores entre os sexos. Metodologia: Foi realizada no mês de setembro de 2010 nas escolas escolhidas, a avaliação antropométrica, onde foram aferidos o peso e a estatura das crianças e depois comparados os dados com as curvas de classificação do estado nutricional (WHO, 2006) sendo classificadas, segundo, a Tabela de Normas Técnicas do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN), pelos indicadores de Peso por Idade (P/I), Estatura por Idade (E/I) e IMC por idade (IMC/I) para se obter o diagnóstico nutricional do grupo em estudo. Resultados: Verificou-se um índice de obesidade de 3,5% para ambos os sexos com prevalência maior entre os meninos nas escolas particulares (4,5%), sendo todos os indicadores antropométricos com diferença estatística significante com p< 0,01 exceto para o IMC no sexo feminino. Conclusão: o grupo estudado segue os parâmetros do fenômeno da transição nutricional, fato que incontestavelmente está levando a população infantil brasileira ao excesso de peso e seus problemas associados.


Abstract:
The knowledge of the nutritional status of the child population of a country is essential to assess the health conditions at this stage of life, and becomes a reference in creating strategies for health promotion and disease prevention related to underweight, overweight and obesity. Objective: To evaluate the nutritional status of children from two schools and two private schools in the city of Dourados, noting the possible similarities and differences in growth and development among pre-school children who attend public and private education, but also of the distinctions of these same factors in both sexes. Methodology: It was held in September 2010 in selected schools, anthropometric measurements, which were measured weights and heights of children and then compared the data with curves Nutritional status (WHO, 2006) can be classified, second, Table of Technical Standards System for Food and Nutritional Surveillance (SISVAN), the indicators weight for age (WAZ), height for age (H / A) and BMI for age (BMI / A) to obtain the diagnosis nutritional study group. Results: There was an obesity rate of 3.5% for both sexes and was higher among boys in private schools (4.5%), and all anthropometric indicators with statistical significance with p<0.01 except for BMI in females. Conclusion: The study group follows the parameters of the phenomenon of the nutrition transition, a fact which undoubtedly is leading to population of Brazilian children with overweight and its associated problems.