Revista Multidisciplinar da Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde da Unigran | ISSN-1981-3775

Os artigos deverão ser enviados, exclusivamente, por email: interbio@unigran.br

AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTIPSICÓTICO DA LAMOTRIGINA EM CAMUNDONGOS

ASSESSMENT OF POTENTIAL ANTIPSYCHOTICS OF LAMOTRIGINE IN MICE

Autores:
CHAVES, Charlene Stephanie de Lima Oliveira; OLIVEIRA, Aline de Albuquerque; MELO, Francisco Rogerlândio Martins de

Baixe o Artigo aqui (pdf)


Resumo:
A lamotrigina é uma droga antiepiléptica que, recentemente, vem sido apontada como capaz de melhorar alguns sintomas da esquizofrenia em humanos. O presente estudo objetivou investigar o potencial antipisicótico da lamotrigina por meio dos testes de indução de catatonia, ptose palpebral, e campo aberto. Foram utilizados, para isto, 124 camundongos machos (25-30g) que receberam salina 0,9%, haloperidol na dose de 5mg/Kg, i.p e lamotrigina na dose de 10mg/Kg, i.p. A lamotrigina induziu ptose palpebral e reduziu a atividade locomotora horizontal nos animais estudados. Conquanto a referida droga não induziu catatonia e nem promoveu alterações na locomoção vertical dos camundongos. Conclui-se que os efeitos antipsicóticos atribuídos a lamotrigina parecem não estar relacionados a mecanismos dopaminérgicos.


Abstract:
Lamotrigine is an antiepileptic drug that recently has been identified as able to improve some symptoms of schizophrenia in humans. This study aimed to investigate the potential of lamotrigine by means of tests of induced catatonia, ptosis, and open field. Were used for this, 124 male mice (25-30g) received 0.9% saline, haloperidol at a dose of 5 mg/kg, ip and lamotrigine at a dose of 10mg/kg, ip.. Lamotrigine induced ptosis and reduced horizontal locomotor activity in the animals studied. While such a drug did not induce catatonia nor promoted the vertical movement of the mice. It is concluded that the effects attributed to antipsychotics lamotrigine do not seem to be related to dopaminergic mechanisms.