Portal do Aluno
Serviços
Apresentação Cerimonial Eventos Atendimento Horário Downloads Formatura
Cerimonial e Eventos

Cerimônias Universitárias

O papel das Instituições universitárias ao longo do tempo foi e tem sido o de promover a educação superior e o desenvolvimento científico, tecnológico, literário, artístico, cultural e social do país e da humanidade. Verifica-se cada vez mais a necessidade de seguir determinadas regras de Cerimonial e Protocolo para o melhor desempenho e organização das diversas tipologias de eventos existentes, incluindo entre esses, os eventos universitários.

O cerimonial valoriza as ações e gestos, cria sensibilidade, implica em honra, dignidade na celebração de cada ato. Evolui para a elevação social, para o desenvolvimento do indivíduo, do respeito ao próximo e assume o sentido natural da própria evolução humana.

Hoje em dia, Instituições públicas, privadas, nacionais e estrangeiras não sobrevivem sem um componente profissional de cerimonial. O profissional cerimonialista moderno não é um simples organizador e executor de cerimoniais. Ele deverá estar sempre envolvido como os resultados do evento onde deverão ser submetidos a critérios de eficácia. Deverão ser simples e de impacto, obedecendo a princípios de funcionalidade e beleza singela.

O Centro Universitário da Grande Dourados - UNIGRAN, por ser uma Instituição moderna, adota um cerimonial que se destaca pela simplicidade e inovação, observando sobretudo as mais elementares regras de respeito à comunidade interna e externa.

Para garantir o planejamento, organização, realização, controle e avaliação dos Eventos e Cerimoniais que acontecem todos os anos na UNIGRAN, a Mantenedora juntamente com a Reitoria, criaram um setor específico para atender as demandas internas e externas com qualidade e profissionalismo.

Para facilitar o entendimento sobre as diversas funções e tipologias de eventos encontradas nas bibliografias existentes, foram compiladas informações práticas e objetivas para auxiliar no planejamento e organização dos eventos acadêmicos internos.

Definição e Objetivo do Cerimonial

Trata-se de um conjunto de normas estabelecidas com a finalidade de ordenar corretamente o desenvolvimento de qualquer ato solene ou comemoração pública que necessite de formalização, ou seja; procedimentos como disciplina, hierarquia, ordem, elegância, respeito, bom senso, bom gosto e simplicidade que os profissionais de cerimonial seguem durante a organização e realização de atos, públicos ou não.

Funções do Cerimonial

Segundo o livro Etiqueta, Protocolo & Cerimonial, estabelece as principais funções desempenhadas pelo cerimonial. Para ele, a mais importante diz respeito ao disciplinamento das precedências, mas acrescentam outras:

- Função ritual - além das precedências, os gestos e preceitos, honrarias e privilégios, símbolos do poder;

- Função semiológica - linguagem formal, linguagem internacional e diplomática, tratamento e fórmulas de cortesia, redação e expressão oficial e diplomática;

- Função legislativa - codificação das regras e preceitos em normas de protocolo e cerimonial, nos planos interno e externo;

- Função gratuita - hedonismo, frivolidade, festividade, atividade lúdica que pode chegar à disfunção e descaracterizar e etiqueta;

- Função pedagógica - ensino de civilização e cultura;

Chefe do Cerimonial

O Chefe do Cerimonial ou Coordenador de Eventos é responsável pelo planejamento, coordenação e organização do evento, em todas as suas fases, além do protocolo de implantação com as precedências e tratamentos de acordo com a legislação específica, planejando o roteiro da solenidade.

Mestre de Cerimônias

O Mestre de Cerimônias é o condutor do evento. A ele compete conduzir, com segurança, o evento, do início ao fim; anunciar o roteiro que foi traçado pelo Chefe do Cerimonial, em boa postura e com voz firme.

A função desse profissional é ordenar e orientar a cerimônia. Em determinados tipos de solenidades, é comum usar um casal para conduzir o evento, visto que, assim, a dupla poderá dividir listas de nomes a serem chamados (agraciados, formandos, etc.), tornando a cerimônia mais atraente. Pode também o mestre de cerimônias elaborar a relação com os nomes das autoridades presentes, identificar e confeccionar as nominatas com os nomes das autoridades que deverão ser citadas pelo presidente ou anfitrião da solenidade, conferir o som, orientar as recepcionistas quanto à formação da Mesa, coordenar os garçons no serviço de água para Mesa e conduzir a cerimônia com bom desempenho.

Recepções e registro de autoridades

Uma boa equipe de recepção é fundamental para todo tipo de evento. Receber bem os convidados e/ou participantes do evento colabora que estes se sintam bem acolhidos. Além de recepcionar os convidados, os recepcionistas colaboram na operacionalização do pré, trans e pós-evento.

O recepcionista assumirá a responsabilidade de registras as autoridades que se fizerem presentes ao evento escrevendo numa ficha específica o nome, cargo, instituição/empresa, ou até mesmo, na ausência do responsável, quem está representando para que o Mestre de Cerimônias possa registrar as autoridades presentes durante o evento.

UNIGRAN - Centro Universitário da Grande Dourados
Todos os Direitos Reservados. Rua Balbina de Matos, 2121 - Jd. Universitário
CEP 79.824-900 - Dourados/MS - Fone: (67) 3411-4141 / Fax: (67) 3411-4167